PERFIL SANITÁRIO DE UNIDADES AGRÍCOLAS FAMILIARES PRODUTORAS DE LEITE CRU E ADEQUAÇÃO À LEGISLAÇÃO VIGENTE

Autores

  • Anna Christina de Almeida UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG
  • Claudinei Alves dos Santos UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG
  • Isabela Rocha Menezes UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG
  • Lucas Magalhães Teixeira UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG
  • João Paulo Ramos Costa UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG
  • Rogério Marcos de Souza UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

DOI:

https://doi.org/10.1590/cab17314597

Palavras-chave:

Tecnologia de Leite

Resumo

A região norte de Minas Gerais caracteriza-se por ser uma entre as regiões do país que têm o leite como um dos principais geradores de renda pela agricultura familiar. Para que o leite produzido tenha
competitividade no mercado e tenha maior valor agregado, a agricultura familiar deve se adequar para atender os parâmetros legais vigentes. Teve-se como objetivo caracterizar o manejo produtivo geral adotado em unidades agrícolas familiares nos municípios de Bocaiúva, Francisco Sá e Montes Claros, no norte de Minas Gerais, identificando os entraves para a produção de leite dentro dos parâmetros estabelecidos pela legislação vigente. O sistema de produção foi avaliado por meio de coleta de dados em questionários e listas de verificação nos diferentes ambientes envolvidos com a produção. A qualidade microbiológica foi avaliada através da enumeração de microrganismos indicadores aeróbios mesófilos, psicrotróficos, Staphylococcus sp e coliformes fecais em leite cru, leite cru refrigerado, água e utensílios utilizados para produção. Os resultados da análise microbiológica associada às
práticas de manejo adotadas revelaram que a principal causa da contaminação do leite era o emprego inadequado ou a ausência de boas práticas de higiene no sistema de produção, sendo este o principal entrave ao atendimento das exigências legais para o produto.
Palavras-chave: Boas Práticas Agropecuárias; Contaminação; Qualidade do leite.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anna Christina de Almeida, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

DOCENTE DO INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG

Claudinei Alves dos Santos, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

MESTRANDO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS- INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG

Isabela Rocha Menezes, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

MESTRANDO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS- INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG

Lucas Magalhães Teixeira, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

ZOOTECNISTA, EGRESSO DO  INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG

João Paulo Ramos Costa, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

ZOOTECNISTA, EGRESSO DO  INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG. MESTRANDO EM ZOOTECNIA NA UNESP.

Rogério Marcos de Souza, UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS-UFMG

DOCENTE DO INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DA UFMG

Downloads

Publicado

2016-07-29

Como Citar

ALMEIDA, A. C. de; SANTOS, C. A. dos; MENEZES, I. R.; TEIXEIRA, L. M.; COSTA, J. P. R.; SOUZA, R. M. de. PERFIL SANITÁRIO DE UNIDADES AGRÍCOLAS FAMILIARES PRODUTORAS DE LEITE CRU E ADEQUAÇÃO À LEGISLAÇÃO VIGENTE. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 17, n. 3, p. 303–315, 2016. DOI: 10.1590/cab17314597. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/14597. Acesso em: 16 jul. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal