PERFIL LIPÍDICO DE FÊMEAS CANINAS ESTERILIZADAS E NÃO ESTERILIZADAS ASSOCIADO COM O ESCORE DE CONDIÇÃO CORPORAL

Autores

  • Patricia Almeida Ferreira Universidade Federal de Pelotas
  • Sabrina de Oliveira Capella Universidade Federal de Pelotas/RS
  • Stephanie de Souza Theodoro Universidade Federal de Pelotas/RS
  • Samuel Rodrigues Felix Universidade Federal de Pelotas/RS
  • William Peres Universidade Federal de Pelotas/RS
  • Márcia de Oliveira Nobre Universidade Federal de Pelotas/RS

DOI:

https://doi.org/10.1590/cab.v16i2.26348

Palavras-chave:

Sanidade Animal

Resumo

A esterilização pode estar associada ao ganho de peso em cães. Para diagnosticar possíveis alterações, como diabetes e hiperlipidemias, análises laboratoriais do metabolismo de carboidratos e lipídios são importantes. O objetivo deste estudo foi verificar a glicemia e o metabolismo lipídico em fêmeas caninas não esterilizadas e esterilizadas e associar estes resultados com o escore de condição corporal. Trinta e duas fêmeas caninas, esterilizadas (n=16) e não esterilizadas (n=16) foram submetidas à coleta sanguínea para análises bioquímicas e foram classificadas conforme escore de condição corporal (ECC). Nove tiveram ECC normal, 10 apresentavam sobrepeso e 13 eram obesas. Pequenas diferenças foram observadas entre os cães esterilizados e não esterilizados. A glicemia de fêmeas não esterilizadas foi mais elevada em todos os escores corporais, bem como o HDL. Triglicérides, LDL e VLDL foram mais baixos em fêmeas não esterilizadas com sobrepeso quando comparado com animais esterilizados na mesma condição corporal, o que não foi observado em outros grupos. Contrariamente ao que acontece em mulheres após a menopausa, a esterilização em fêmeas de cães não parece ter fortes efeitos sobre os parâmetros metabólicos avaliados. Este estudo apresenta resultados únicos, nos quais nem a esterilização nem o peso possuem forte associação com alterações metabólicas.

Palavras-chave: colesterol; esterilização; glicose.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patricia Almeida Ferreira, Universidade Federal de Pelotas

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria (2005). Concluiu mestrado na área de Sanidade Animal - Clínica Médica de Pequenos Animais e atualmente é doutoranda na Universidade Federal de Pelotas, na área de Clínica Médica de Pequenos Animais.

Departamento de Clínicas Veterinária; Área de Clínica Médica de Pequenos Animais

Sabrina de Oliveira Capella, Universidade Federal de Pelotas/RS

Médica Veterinária, atualmente aluna de mestrado do Programa de Pós-graduação em Veterinária, na área de dermatologia clínica de pequenos animais na Universidade Federal de Pelotas.

Departamento de Clínicas Veterinária; Área de Clínica Médica de Pequenos Animais

Stephanie de Souza Theodoro, Universidade Federal de Pelotas/RS

Graduanda de Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Pelotas. Atualmente, é estagiária e bolsista do grupo de pesquisa,ensino e extensão em pequenos animais - CLINPET, sob orientação da professora Márcia de Oliveira Nobre. Interesse em atuação em pesquisa e clínica médica de pequenos animais.

Departamento de Clínicas Veterinária; Área de Clínica Médica de Pequenos Animais

Samuel Rodrigues Felix, Universidade Federal de Pelotas/RS

Possui graduação em Medicina Veterinaria pela Universidade Federal de Pelotas (2007) e Mestrado (2009) e Doutorado (2013) pelo PPGV da UFPel. Tem experiência na área de Medicina Veterinária preventiva, doenças infecciosas e parasitárias, com ênfase em biotecnologia aplicada.

Departamento de Clínicas Veterinária; Área de Clínica Médica de Pequenos Animais

William Peres, Universidade Federal de Pelotas/RS

Possui graduação em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Católica de Pelotas (1988) e doutorado em Ciências Biológicas - Universidade de León / Espanha (1999), título reconhecido pela Universidade de São Paulo (USP) na área de Fisiologia Humana. Realizou estágio de Pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas: Bioquímica, na área de Neurobiologia do Estresse na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2006-2008). Professor adjunto do Centro de Ciências Químicas, Farmacêuticas e de Alimentos da Universidade Federal de Pelotas. Avaliador Institucional e de Cursos de Graduação do INEP-SINAES. Diretor e conselheiro do Conselho Regional de Farmácia - CRF-RS (2010-2013). Exerceu cargos administrativos como: Coordenador do Curso de Farmácia da Universidade Católica de Pelotas (2008-2010); Pró-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão na UCPel (2002-2005); Assessor de Graduação na UCPel (2000-2001); Diretor da Escola de Farmácia da UCPel (2002) e Chefe de Departamento (1990). Atualmente ministra as disciplinas de Bioquímica I no Curso de Medicina e, Bioquímica II no Curso de Medicina Veterinária. É docente e orientador dos Programas de Pós-Graduação em Ciências e Tecnologia Agroindustrial, e de Bioquímica e Bioprospecção na Universidade Federal de Pelotas. Líder do grupo de pesquisa Bioquímica e Fisiologia Clínicas (BIOFISC) e pesquisador do Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais (CLINPET) e do Grupo de Pesquisa em Pós-Colheita, Industrialização e Qualidade de Arroz da Universidade Federal de Pelotas. Pesquisador do Núcleo de Promoção à Saúde Integral (NUPROSI) da Universidade Federal do Rio Grande; autor de livros, capítulos e artigos em revistas internacionais e nacionais. Desenvolve pesquisas nas áreas de Bioquímica e Fisiologia, com ênfase em Radicais Livres e Estresse Oxidativo, atuando principalmente nos seguintes temas: estresse, antioxidantes, exercício físico, acidente vascular cerebral e nutrição.

Centro de Ciências Químicas, Farmacêuticas e de Alimentos

Márcia de Oliveira Nobre, Universidade Federal de Pelotas/RS

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Pelotas (1984), mestrado em Veterinária pela Universidade Federal de Pelotas (1997) e doutorado em Ciências Veterinárias pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004) e pós-doutorado na Universidade Federal de Pelotas (2005). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Pelotas e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Veterinária.No momento é bolsista em produtividade do CNPq trabalhando na grande área de Medicina Veterinária- Clínica e Cirurgia Animal, tendo ênfase nas seguintes linhas de pesquisa: dermatopatias, cicatrização de feridas cutâneas, otites e oncologia em pequenos animais. Também atua em atividades de zooterapia, utilizando cães como auxiliares na terapia de pessoas com necessidades especiais. Coordena o CLINPET - Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Clínica de Pequenos Animais e do Pet Terapia, ambos da Faculdade de Veterinária - UFPel.

Departamento de Clínicas Veterinária; Área de Clínica Médica de Pequenos Animais

Downloads

Publicado

2015-04-30

Como Citar

FERREIRA, P. A.; CAPELLA, S. de O.; THEODORO, S. de S.; FELIX, S. R.; PERES, W.; NOBRE, M. de O. PERFIL LIPÍDICO DE FÊMEAS CANINAS ESTERILIZADAS E NÃO ESTERILIZADAS ASSOCIADO COM O ESCORE DE CONDIÇÃO CORPORAL. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 16, n. 2, p. 262–267, 2015. DOI: 10.1590/cab.v16i2.26348. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/26348. Acesso em: 22 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária