Música na Escola: uma revisão das legislações educacionais brasileiras entre os anos 1854 e 1961

Autores

  • João Fortunato Soares de Quadros Jr. e Oswaldo Lorenzo Quiles

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v12i1.21584

Resumo

Este artigo tem como objetivo verificar qual o espaço ocupado pela música na educação formal brasileira no período que antecedeu o surgimento das Leis de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), tendo como base a análise das legislações educacionais oficiais publicadas entre os anos 1854 e 1961. Por meio de pesquisa documental foi possível observar omissões e equívocos nas produções científicas que tratam da educação musical brasileira durante esse período. Destaca-se a obrigatoriedade do ensino do canto orfeônico para todos os níveis da educação escolar, a partir de 1934, e a análise do Decreto nº 51.215/61, que, naquela época, regulamentava a educação musical nas escolas. Palavras-chave: Música; Educação básica; Legislação; Ensino formal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-12-11

Como Citar

FORTUNATO SOARES DE QUADROS JR. E OSWALDO LORENZO QUILES, J. Música na Escola: uma revisão das legislações educacionais brasileiras entre os anos 1854 e 1961. Revista Música Hodie, Goiânia, v. 12, n. 1, 2012. DOI: 10.5216/mh.v12i1.21584. Disponível em: https://revistas.ufg.br/musica/article/view/21584. Acesso em: 8 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos