Universalism, or the fabrication of concert music

A Brazilian history of cultural appropriation, political propaganda, and inequality

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v23.72129

Palavras-chave:

Universalismo musical, Osesp, Música brasileira, desigualdade social, política brasileira

Resumo

Universalismo, ou a fabricação da música de concerto: uma história brasileira de apropriação cultural, propaganda política e desigualdade social

 

A ideia de uma “música universal”, que se desenvolve a partir da suposta hegemonia da música clássica europeia, tem raízes históricas que se expressam como conteúdo disciplinar desde pelo menos o Iluminismo. No entanto, sua relevância atual se mostra em processos de apropriação simbólica, que analisamos no cenário brasileiro contemporâneo, onde a disseminação do universalismo como paradigma inquestionável de superioridade cultural orienta a relação com a disciplina musical e é moldada pelo contexto das relações sociais, políticas e de fragilidade econômica, que analisaremos no caso da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP), concluindo, por fim, a dificuldade da música em se constituir como objeto epistêmico nesse contexto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marta Castello Branco, Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil, martacastellobranco@yahoo.com.br

Possui graduação em Música pela Universidade Federal de Minas Gerais (2005), mestrado em Música pela Universidade Federal da Bahia (2008), doutorado em Música pela UdK Berlin - Universität der Künste Berlin, Alemanha (2014) e Pós-doutorado em Estética Comparada pelo Aryamarga Institute India (2019). É professora do Departamento de Música da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e do Programa de Pós-Graduação em Artes, Cultura e Linguagens do Instituto de Artes e Design IAD/UFJF. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Música, atuando principalmente nos seguintes temas: interpretação musical (flauta transversal), música contemporânea e relações entre música, cultura e sociedade.

Downloads

Publicado

2023-02-13

Como Citar

CASTELLO BRANCO, M. Universalism, or the fabrication of concert music: A Brazilian history of cultural appropriation, political propaganda, and inequality. Música Hodie, Goiânia, v. 23, 2023. DOI: 10.5216/mh.v23.72129. Disponível em: https://revistas.ufg.br/musica/article/view/72129. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos