Considerações sobre a Sala de Concerto na Atualidade

Autores

  • Jorge Luiz de Lima Santos

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v13i1.25889

Resumo

Este artigo apresenta reflexões sobre o papel social da sala de concerto na atualidade a partir de uma perspectiva histórica e antropológica. Procura-se discutir as possíveis razões que levaram a música clássica de uma posição mais central como ator social na cultura e politica do final do século XIX para um papel de quase irrelevância no mundo contemporâneo, tendo como objeto de reflexão seu espaço físico consagrado. Utilizaremos os apontamentos de Leon Botstein (1999; 2004) sobre as mudanças na função social da música clássica e do seu público, trazendo para a discussão as categorias teóricas de “lugar” e “espaço” de De Certau (1984) para pensar o binômio espaço físico e espaço simbólico que a sala de concerto representa, somados ainda aos conceitos de “performance apresentacional” e “performance participatória” de Thomas Turino (2008), no intuito de discutir o lugar social da música de concerto na atualidade a partir do local mais consagrado para sua prática. Palavras-chave: Sala de concerto; Função social da música; Botstein; Música na contemporaneidade; Antropologia da música. Considerations

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-08-15

Como Citar

LUIZ DE LIMA SANTOS, J. Considerações sobre a Sala de Concerto na Atualidade. Música Hodie, Goiânia, v. 13, n. 1, 2013. DOI: 10.5216/mh.v13i1.25889. Disponível em: https://revistas.ufg.br/musica/article/view/25889. Acesso em: 26 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos