Interpretação Mediada: pontos de referência, modelos e processos criativos

Autores

  • Jônatas Manzolli

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v13i1.25773

Resumo

Apresentamos um novo campo de interação entre o músico, o suporte tecnológico e diversas recursos que ampliam as possibilidades expressivas da performance com eletrônicos ao vivo. Enfatizamos que o uso de técnicas expandidas, a criação de novas interfaces e a performance relacionadas a processos multimodais produzem uma ampliação do universo musical, revitalizam a condição primordial de espectador do ouvinte ao propiciar sua interação com outros sentidos. Conceber a performance nesse novo patamar amplia os recursos expressivos da música atual, principalmente quando unimos a composição às muitas facetas da interpretação mediada. Palavras-chave: Modelos computacionais na música; Gesto musical; Computação musical; Interpretação musical mediada; Sonologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-08-08

Como Citar

MANZOLLI, J. Interpretação Mediada: pontos de referência, modelos e processos criativos. Música Hodie, Goiânia, v. 13, n. 1, 2013. DOI: 10.5216/mh.v13i1.25773. Disponível em: https://revistas.ufg.br/musica/article/view/25773. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos