Soroprevalência de hepatite a associado a fatores de risco em comunidade ribeirinha urbana - Vila Candelária, Porto Velho, Rondônia, Amazônia Ocidental, Brasil

Autores

  • Helena Meika Uesugui Faculdade de Educação e Meio Ambiente (FAEMA)

Palavras-chave:

soroprevalência, hepatite A, saneamento básico.

Resumo

RESUMO: Este trabalho foi realizado a partir de inquérito domiciliar, durante o mês de outubro de 2001, em uma comunidade ribeirinha urbana denominada Vila Candelária, situada no município de Porto Velho, Estado de Rondônia, região Norte, Brasil. O estudo teve como objetivos, determinar a soroprevalência de hepatite A e estabelecer possíveis relações com fatores de risco associados. Participaram cento e quarenta e três indivíduos, de ambos os sexos, na faixa etária correspondente entre zero e oitenta anos. Os procedimentos consistiram em cadastramento dos participantes, levantamento de dados acerca das condições de moradia, saneamento, renda familiar e coleta de material biológico. O método empregado para detecção de anticorpos totais contra o vírus da hepatite A, foi o ELISA (Enzyme-Linked Immunosorbent Assay), utilizando-se kit comercial da marca DiaSorin, com especificação: ETI – AB – HAVK – 3 (P001652). Os valores de soroprevalência encontrados foram de 41,6%; 55,5%; 66,6%; 88% e 100%, para as faixas etárias correspondentes de 0 a 4 anos; 5 a 9 anos; 10 a 14 anos; 15 a 19 anos e acima de 40 anos de idade, respectivamente. Os resultados obtidos mostram uma soroprevalência total de 86%, considerada alta, embora com tendência a redução, verificada entre os mais jovens, na faixa etária de até 19 anos de idade, o que talvez possa ser atribuído a disponibilização de abastecimento público de água na localidade, que ocorreu a partir de 1982. Enfatiza ainda, a importância da realização de mais pesquisas, as quais servem de parâmetros para priorizar investimentos em programas sociais como habitação, saúde e saneamento básico, que se traduzem em bem-estar da coletividade em geral.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Helena Meika Uesugui, Faculdade de Educação e Meio Ambiente (FAEMA)

Mestre em Doenças Tropicais

Doutora em Saúde

Downloads

Publicado

14-06-2012

Como Citar

UESUGUI, H. M. Soroprevalência de hepatite a associado a fatores de risco em comunidade ribeirinha urbana - Vila Candelária, Porto Velho, Rondônia, Amazônia Ocidental, Brasil. Revista de Biologia Neotropical / Journal of Neotropical Biology, Goiânia, v. 8, n. 2, 2012. Disponível em: https://revistas.ufg.br/RBN/article/view/17212. Acesso em: 20 maio. 2024.

Edição

Seção

Resumo de Tese