Reinvenção guiada e o ensino de Matemática: um estudo das representações semióticas que emergem de uma atividade

Autores

  • Marcele Tavares Mendes niversidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR.
  • Karina Alessandra Pessoa da Silva Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR.

DOI:

https://doi.org/10.5216/rp.v28i2.52777

Resumo

Neste artigo apresentamos resultados de uma pesquisa na qual investigamos as representações semióticas para os objetos matemáticos em uma atividade desenvolvida segundo a estratégia de ensino da reinvenção guiada. A pesquisa está fundamentada nos pressupostos teóricos da Teoria dos Registros de Representação Semiótica de Raymond Duval e nos princípios da abordagem de ensino da Educação Matemática Realística. As nossas reflexões são subsidiadas pela análise da produção escrita de professores em formação em um curso de curta duração. Por meio das representações que emergiram de uma atividade desenvolvida no âmbito do curso, pudemos inferir que o contato com diferentes representações semióticas possibilita sua complementação e a compreensão dos objetos matemáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcele Tavares Mendes, niversidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR.

Docente da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR. Licenciatura e bacharelado em Matemática pela Universidade Estadual de Londrina, Mestrado em Matemática pela Universidade Estadual de Maringá, Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual de Londrina, Docente do Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Matemática da UTFPR – Londrina/Cornélio Procópio.

Karina Alessandra Pessoa da Silva, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR.

Docente da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Londrina/PR. Licenciatura em Matemática pela Universidade Estadual de Londrina, Mestrado e Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual de Londrina, Docente do Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Matemática da UTFPR – Londrina/Cornélio Procópio.

Downloads

Publicado

2018-05-02

Como Citar

MENDES, M. T.; SILVA, K. A. P. da. Reinvenção guiada e o ensino de Matemática: um estudo das representações semióticas que emergem de uma atividade. Revista Polyphonía, Goiânia, v. 28, n. 2, 2018. DOI: 10.5216/rp.v28i2.52777. Disponível em: https://revistas.ufg.br/sv/article/view/52777. Acesso em: 8 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: O ensino de matemática na escola: prática e diversidade