Educação inclusiva no ensino superior em Moçambique: contornos, perspectivas e reflexões

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/revufg.v22.74789

Resumo

O presente artigo aborda questões relacionadas ao campo das políticas públicas e de inclusão e revisa um conjunto de reflexões, contornos e perspectivas Educação Inclusiva no Ensino Superior e Moçambique que têm vindo a ganhar espaço nos últimos tempos no mundo, em África e, particularmente, em Moçambique. O mesmo desdobra-se entre as políticas públicas educacionais atinentes ao subsistema de ensino superior, num país do terceiro mundo e no limiar da pobreza, não obstante seja um país de população jovem e com um sistema político em consolidação, o que pressupõe um sistema educativo também em ascensão, quer quantitativa, quer qualitativa. A Educação ocupa um papel relevante para se compreender o país e a suas restantes políticas internas e externas, principalmente num cenário em que os vários documentos internacionais ractificados por Moçambique dão voz a uma educação de todos advogada pelo governo do dia, e não só por outros stakeholders. Trata-se, portanto, de uma revisão integrativa da literatura assentado em pensamentos modernos e contemporâneos de Lopes, Francisco, Francisco e Dinis (2020); Taimo (2019); Nguenha (2018); Folmer e Rosa (2018); e Gonçalves (2018), dentre outros. Como resultado compreende-se que a Educação Inclusiva no país ainda enfrenta inúmeros desafios para a sua implementação, contudo encontra no ensino superior um campo predisposto para a implementação e (re)orientação para outros susbsistemas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

28-12-2022

Como Citar

GONÇALVES, A. C. P.; NANDJA, A. J.; BENZANE, F. G.; TEIXEIRA, R. A. G. Educação inclusiva no ensino superior em Moçambique: contornos, perspectivas e reflexões. Revista UFG, Goiânia, v. 22, n. 28, 2022. DOI: 10.5216/revufg.v22.74789. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/74789. Acesso em: 21 maio. 2024.

Edição

Seção

Dossiê A inclusão na educação superior: o olhar a partir de Brasil, Moçambique e outros países