A Extensão E A Pesquisa Na Formação Docente Inclusiva: Uma Experiência Da Ueg/Câmpus Inhumas

Autores

  • Carla Salomé Margarida de Souza
  • Marlene Barbosa de Freitas Reis

DOI:

https://doi.org/10.5216/revufg.v18i24.58568

Resumo

Este artigo objetiva compartilhar uma experiência de integração entre a extensão e a pesquisa universitária. Partimos da seguinte inquietação: de que forma, integrar projetos distintos, com o objetivo de aprimorar a formação docente numa perspectiva inclusiva? Nesse sentido, relatamos uma experiência exitosa na formação docente do estudante universitário ocorrida no ano de 2018, na UEG/Câmpus Inhumas, entre o projeto de pesquisa científica: “As Políticas de Diversidade e Inclusão no Ensino Superior: Educação Especial e Letramento Digital numa Perspectiva Inclusiva” e o projeto de extensão: “Acompanhamento Pedagógico de Crianças dos anos iniciais do Ensino Fundamental da Rede Pública Municipal”. Os resultados demonstram que é possível formar docentes em perspectivas inclusivas, sobretudo, possibilitando a integração entre a extensão e pesquisa na academia, contribuindo para o fortalecimento do papel social da universidade para além dos muros da instituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Salomé Margarida de Souza

Mestranda do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Educação, Linguagem e Tecnologias (PPG-IELT) da Universidade Estadual de Goiás/Câmpus Anápolis. Pedagoga. Especialista em Docência Universitária; em Educação para a Diversidade e Cidadania; em Libras e Neuropsicopedagogia. Docente titular da UEG/Câmpus Inhumas e da Secretaria de Educação do Estado de Goiás. 

Marlene Barbosa de Freitas Reis

Pós-Doutora em Gestão da Informação e Conhecimento pela Universidade do Porto, Portugal. Doutorado em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento pela UFRJ. Pedagoga. Atualmente é professora titular da Universidade Estadual de Goiás (UEG). Docente permanente do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Educação, Linguagem e Tecnologias (PPG-IEL/UEG/Anápolis) e no curso de Pedagogia da UEG/Campus Inhumas.

Downloads

Publicado

2018-12-28

Como Citar

DE SOUZA, C. S. M.; REIS, M. B. de F. A Extensão E A Pesquisa Na Formação Docente Inclusiva: Uma Experiência Da Ueg/Câmpus Inhumas. Revista UFG, Goiânia, v. 18, n. 24, 2018. DOI: 10.5216/revufg.v18i24.58568. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/58568. Acesso em: 2 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos