DUAS PEÇAS DE RODOLFO CAESAR TINNITUS (2004) E BIO-ACÚSTICA (2005)

Autores

  • Silvio Ferraz

DOI:

https://doi.org/10.5216/mh.v8i1.4566

Resumo

este artigo apresenta uma leitura analítica de duas obras do compositor carioca Rodolfo Caesar, Tinnitus de 2004 e Bio-acústica de 2005. Ao mesmo tempo especula sobre modo de análise musical para uma música acusmática (música ouvida através de alto-falantes). O principal foco é a forte presença de sons cotidianos nas duas peças, fator que será tomado como base para a construção de uma tipologia simples de objetos realizada a partir de uma escuta que acompanhe a peça como um arco de transformação passo a passo. O artigo está fundamentado parcialmente na tipologia de objetos sonoros de Pierre Schaeffer, mas sem fazer um uso sistemático desta tipologia e sim um uso prático, visto o objetivo ser mais o de retomar uma forma descritiva de análise.
Palavras-chave: Análise musical; Música acusmática; Rodolfo Caesar; Escuta; Pierre Schaeffer.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2008-08-16

Como Citar

FERRAZ, S. DUAS PEÇAS DE RODOLFO CAESAR TINNITUS (2004) E BIO-ACÚSTICA (2005). Música Hodie, Goiânia, v. 8, n. 1, 2008. DOI: 10.5216/mh.v8i1.4566. Disponível em: https://revistas.ufg.br/musica/article/view/4566. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Outras Palavras