PRESSUPOSTOS DE UMA PEDAGOGIA EMANCIPATÓRIA FRENTE AO VIÉS MERCADOLÓGICO DA TECNOLOGIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ia.v48i1.74684

Resumo

O presente artigo parte de uma pesquisa bibliográfica e tem o objetivo de refletir acerca das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC) no contexto escolar, numa vertente crítica, possibilitando várias leituras no uso consciente e novas interações na relação dialógica entre professor-aluno. Parte da prática concreta do sujeito, compreendendo os determinantes históricos, aos quais estamos condicionados, e as múltiplas relações entre a realidade dos sujeitos e as condições sociais deflagradas pela sociedade capitalista. As possibilidades de reflexão vão ao encontro da necessidade de produção de significações no universo escolar diante da compreensão das tecnologias no cotidiano da sala de aula e da práxis educativa.

PALAVRAS-CHAVE: Reflexão; Formação Docente; Tecnologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula André, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), Cascavel, Paraná, Brasil, aninhandre21@gmail.com

Mestre em Letras pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), Campus de Cascavel. Especialista em Fundamentos da Educação pela UNIOESTE. Especialista em Educação de Jovens e Adultos pela ESAB. Especialista em Educação Especial pela FAVED. Graduada em Pedagogia pela UNIOESTE. Atua como pedagoga na Educação Básica da Secretaria Estadual de Educação do Paraná. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Educação Social e Educação de Jovens e Adultos (GEPESEJA), da UFSCAR de Sorocaba (SP).

Downloads

Publicado

2023-05-09

Como Citar

ANDRÉ, A. P. PRESSUPOSTOS DE UMA PEDAGOGIA EMANCIPATÓRIA FRENTE AO VIÉS MERCADOLÓGICO DA TECNOLOGIA. Revista Inter-Ação, Goiânia, v. 48, n. 1, p. 30–44, 2023. DOI: 10.5216/ia.v48i1.74684. Disponível em: https://revistas.ufg.br/interacao/article/view/74684. Acesso em: 21 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos