CONSTELAÇÕES CRÍTICAS EM JOAN MIRÓ E MANOEL DE BARROS: ENTRE LINHAS TORTAS, SUCATAS E PASSARINHOS

Autores

  • Graciela Mendes Nogueira Targino Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil, gracielatargino@gmail.com https://orcid.org/0000-0001-8162-3362
  • Keyla Andrea Santiago Oliveira Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil, keylaandrea@yahoo.com.br https://orcid.org/0000-0002-0805-106X

DOI:

https://doi.org/10.5216/ia.v46i2.65098

Resumo

Este artigo tem como objetivo trazer reflexões acerca de alguns elementos das obras de Joan Miró e Manoel de Barros, propondo possibilidades críticas de diálogo constelatório que tem como referência artistas que se encontram em campos diferentes da arte e também de produção. Buscamos nosso referencial de análise em Adorno (1970; 2000; 2003), Adorno e Horkheimer (1985) e Benjamin (1994). Portanto, trata-se de uma sistematização bibliográfica pautada na Teoria Crítica. Joan Miró e Manoel de Barros apresentaram obras que, do ponto de vista instrumental, poderiam não atender a expectativas utilitárias, mas carregam traços de resistência, estranheza e luta contra uma produção cultural vinculada à ideologia dominante. Desta forma, acreditamos que levar essas reflexões para a escola, valorizando a formação estética dos sujeitos, é essencial na busca contínua por emancipação e liberdade.

PALAVRAS-CHAVE: Joan Miró. Manoel de Barros. Educação Emancipadora. Constelações Críticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Graciela Mendes Nogueira Targino, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil, gracielatargino@gmail.com

Mestre em Educação (UEMS) e professora efetiva na Rede Municipal de Educação de Campo Grande – MS.

Keyla Andrea Santiago Oliveira, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil, keylaandrea@yahoo.com.br

Doutora em Educação (UFG) e professora efetiva no quadro de professores da Graduação e Pós- Graduação da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS).

Downloads

Publicado

31-08-2021

Como Citar

Targino, G. M. N. ., & Oliveira, K. A. S. . (2021). CONSTELAÇÕES CRÍTICAS EM JOAN MIRÓ E MANOEL DE BARROS: ENTRE LINHAS TORTAS, SUCATAS E PASSARINHOS. Revista Inter Ação, 46(2), 857–871. https://doi.org/10.5216/ia.v46i2.65098