Ainda muito distante dos “países mais adiantados”

a Europa nos discursos sobre a Educação Profissional no Brasil nos primórdios do século XX

Autores

  • Renato Marinho Brandão Santos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)
  • José António Martin Moreno Afonso Universidade do Minho https://orcid.org/0000-0002-7061-306X

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v27i1.74228

Palavras-chave:

discurso, Europa, Educação profissional

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar como as referências ao continente Europeu aparecem em discursos relacionados à Educação Profissional no Brasil nas primeiras décadas do século XX. Para tanto, partindo da compreensão de que o discurso representa as características e interesses de um indivíduo, mas também do grupo ao qual pertence, são analisados relatórios de governo, matérias de jornal e o livro Impressões da Europa, de Nilo Peçanha, entre outras fontes. Em conclusão, observamos que as referências ao continente Europeu presentes nessas fontes vão muito além do campo da Educação Profissional, tratando esse continente, na condição de centro irradiador de valores e ideias, como modelo de civilização a ser seguido pelo Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Marinho Brandão Santos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Docente do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e do Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional (PPGEP-IFRN), vinculado à linha de História, historiografia e memória da Educação Profissional. Possui graduação (2009) e mestrado em História (2012) pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), e doutorado em Ciências da Educação, na especialidade de História da Educação, pela Universidade do Minho (2018). Realizou estágio pós-doutoral no PPGEP-IFRN

Referências

BARBOSA, Rui. Reforma do Ensino Primário e várias instituições complementares da Educação Pública. V. 3. Rio de Janeiro: Ministério da Educação e Saúde, 1947.

BARROSO, José Liberato. A Instrucção Publica no Brasil. Rio de Janeiro: Garnier, 1867.

BRASIL. Decreto nº 7.566, de 23 de setembro de 1909. Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1909. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1900- 1909/decreto-7566-23-setembro-1909-525411-publicacaooriginal-1-pe.html. Acesso em: 15 ago. 2022.

BRASIL. Relatório apresentado ao presidente da República dos Estados Unidos do Brazil pelo Ministro de Estado da Industria Viação e obras publicas, Miguel Calmon du Pin e Almeida no anno de 1909. V. 1. Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1909. Disponível em: http://www.crl.edu/pt-br/brazil/ministerial/agricultura. Acesso em: 21 set. 2021.

BRASIL. Relatório apresentado ao presidente da República dos Estados Unidos do Brazil pelo Dr.Manoel Edwiges de Queiroz Vieira, Ministro de Estado da Agricultura, Industria e Commercio, no anno de 1914. V. I. Rio de Janeiro: Typographia do Ministerio da Agricultura, Industria e Commercio, 1914. Disponível em: http://www.crl.edu/pt-br/brazil/ministerial/agricultura. Acesso em: 28 nov. 2021.

BRASIL. Relatório apresentado ao Presidente da República dos Estados Unidos do Brazil pelo Ministro de Estado da Agricultura, Industria e Commercio Dr. José Rufino Beserra Cavalcanti, anno de 1916. V. 1. S.l/S.d.

BRASIL. Relatorio apresentado ao Presidente da Republica dos Estados Unidos do Brasil pelo Ministro de Estado da Agricultura, Industria e Commercio, Dr. João Gonçalves Pereira Lima, Anno de 1918. V. 1. S.l/S.d.

BRASIL. Constituição da República dos Estados Unidos do Brasil (de 24 de fevereiro de 1891). Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1891. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao91.htm. Acesso em: 19 ago. 2022.

CARVALHO, Marcelo Augusto Monteiro de. Nilo Peçanha e a Criação das Escolas de Aprendizes Artífices No Contexto Da Primeira República (Eaas): 1910–1914. In: Anais da 7ª Conferência Internacional de História Econômica e IX Encontro de Pós Graduação em História Econômica. Ribeirão Preto: ABPHE, 2018.

COSTA, Rafael Maul de Carvalho. A "escravidão livre" na corte: escravizados moralmente lutam contra a escravidão de fato (Rio de Janeiro no processo da abolição). 2012. 263f. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal Fluminense, 2012.

DR. MARIO Lyra. A Republica, Natal, 19 out. 1909.

ESCHOLA de Artifices. A Republica, Natal, 13 jan. 1910.

JARDIM Publico. A Republica, Natal, 31 out. 1905.

LE GOFF, Jacques. História e Memória. Campinas: Ed. Unicamp, 1990.

LIGA do Ensino. A Republica, Natal, 25 jul. 1911.

GONÇALVES, Irlen Antônio. (Org.). Congresso Legislativo Mineiro e Educação Profissional: leitura partilhada para construção da República. In: __________. Progresso, trabalho e Educação Profissional em Minas Gerais. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2012.

HOUSSAYE, Jean. Viagens pedagógicas. São Paulo: Cortez, 2007.

PEÇANHA, Nilo Procópio. Impressões da Europa (Suissa, Italia e Hespanha). 4. ed. Rio de Janeiro: Livraria Garnier, 1913.

RIO DE JANEIRO. Mensagem apresentada á Assemblea Legislativa em 1 de agosto de 1904 pelo presidente do estado, Dr. Nilo Peçanha. Rio de Janeiro: Typ. do “Jornal do Commercio” de Rodrigues & C., 1904. Disponível em: http://ddsnext.crl.edu/titles/184#?c=0&m=122&s=0&cv=0&r=0&xywh=-52%2C-1%2C3431%2C2421. Acesso em: 30 ago. 2022.

__________. Mensagem apresentada á Assemblea Legislativa em 1916 pelo presidente do estado, Dr. Nilo Peçanha. Rio de Janeiro: Typ. do “Jornal do Commercio” de Rodrigues & C., 1904. Disponível em: http://ddsnext.crl.edu/titles/184#?c=0&m=134&s=0&cv=1&r=0&xywh=-52%2C-1%2C3431%2C2421. Acesso em: 30 ago. 2022.

SANTOS, Renato Marinho Brandão. Entre a Ordem e o Progresso: a Escola de Aprendizes Artífices de Natal e a formação de cidadãos úteis (1909-1937). Natal/João Pessoa: Ed. IFRN/Ed. IFPB, 2019.

SANTOS, R. M. B.; AFONSO, J. A. M. M. Leituras higienizadas: análise dos manuais adotados nas Escolas de Aprendizes Artífices (1909-1937). History of Education in Latin America - HistELA, v. 1, p. 1-20, 2018.

SHILS, Edward. Centro e Periferia. Lisboa: Difel, 1992.

SOLICITADAS. A Republica, Natal, 15 mar. 1906.

VARELLA, Simone G.; CURCINO, Luzmara. Liga Brasileira contra o Analphabetismo: uma análise discursiva de sua ‘cruzada’ em prol da leitura. Linguagem em (Dis)curso – LemD, Tubarão, SC, v. 22, n. 1, p. 53-64, jan./abr. 2022.

VIDA Social. A Republica, Natal, 06 out. 1906.

Downloads

Publicado

2023-05-30

Como Citar

MARINHO BRANDÃO SANTOS, R.; ANTÓNIO MARTIN MORENO AFONSO, J. Ainda muito distante dos “países mais adiantados”: a Europa nos discursos sobre a Educação Profissional no Brasil nos primórdios do século XX. História Revista, Goiânia, v. 27, n. 1, p. 208–221, 2023. DOI: 10.5216/hr.v27i1.74228. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/74228. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê: História, trabalho e cidadania