Iniciação infantil ao polo aquático: fundamentação teórica e proposta de atividades

THEORETICAL FOUNDATION AND PROPOSAL OF ACTIVITIES

Autores

  • Dieisson Vasques Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, dieissonvasques@gmail.com https://orcid.org/0000-0003-0761-9765
  • Diego Paixão Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, diego.paixao@ufrgs.br https://orcid.org/0000-0002-2844-6245
  • Flávio Antônio de Souza Castro Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, souza.castro@ufrgs.br

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v24.68301

Palavras-chave:

Esportes Aquáticos, Pedagogia, Método Situacional

Resumo

Este estudo tem por objetivo propor diretrizes teórico-práticas para a construção de metodologias de ensino do Polo Aquático (PAq). Pretende apontar conteúdos indispensáveis na iniciação ao PAq para crianças (6 a 10 anos de idade) e apresentar atividades práticas para o processo de ensino-aprendizagem através de uma revisão narrativa de materiais pertinentes ao tópico na forma de ensaio. Clareza de linguagem, pertinência prática e representatividade do item foram avaliados por três especialistas e o coeficiente de validade de conteúdo geral foi de 0,91. A proposição de atividades baseadas em referenciais teóricos pode guiar os profissionais de educação física a ampliar o leque pedagógico de maneira sólida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dieisson Vasques, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, dieissonvasques@gmail.com

Dieisson Machado Vasques

Último grau acadêmico: Graduação em Ensino Superior

Endereço Profissional: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID), UFRGS. Rua Felizardo, 750. Jardim Botânico, CEP 90690-200. Porto Alegre, RS.

Contato: (51)981500359

Licenciado (2017) e Bacharel (2018) em Educação Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e atualmente mestrando em Ciências do Movimento Humano pelo Programa de Pós Graduação também da UFRGS. Atua nas áreas do treinamento físico, polo aquático e natação.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/5568616071433445

Diego Paixão, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, diego.paixao@ufrgs.br

Diego Andrades Paixão

Último grau acadêmico: Pós-graduação em Ensino Superior


Endereço Profissional: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID), UFRGS. Rua Felizardo, 750. Jardim Botânico, CEP 90690-200. Porto Alegre, RS


Contato: (51) 982791849


Mestrando em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Especialista em Fisiologia Humana Aplicada às Ciências da Saúde pela Faculdade de São Vicente (FSV). Graduado em Educação Física pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Atua nas áreas do treinamento físico, iniciação esportiva, esportes de invasão (futebol e polo aquático) e natação. Integra equipe multidisciplinar em reabilitação cardíaca.


Lattes: http://lattes.cnpq.br/4009061110039181

Flávio Antônio de Souza Castro, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, souza.castro@ufrgs.br

Flávio Antônio de Souza Castro


Último grau acadêmico: Doutorado

Endereço Profissional: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID), UFRGS. Rua Felizardo, 750. Jardim Botânico, CEP 90690-200. Porto Alegre, RS.

Professor Associado na ESEFID/UFRGS, onde lidera o Grupo de Pesquisa em Esportes Aquáticos. Desenvolve pesquisas principalmente nos seguintes temas: treinamento, biomecânica, fisiologia e pedagogia da natação e de outros esportes aquáticos.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7358099699936458

Downloads

Publicado

26-07-2021

Como Citar

Vasques, D., Paixão, D., & Antônio de Souza Castro, F. (2021). Iniciação infantil ao polo aquático: fundamentação teórica e proposta de atividades: THEORETICAL FOUNDATION AND PROPOSAL OF ACTIVITIES. Pensar a Prática, 24. https://doi.org/10.5216/rpp.v24.68301

Edição

Seção

Artigos Originais