COMPARAÇÃO DE MÉTODOS PARA EXTRAÇÃO DE DNA NA REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE PARA DETECÇÃO DE Salmonella enterica SOROVAR Enteritidis EM PRODUTOS AVÍCOLAS

Autores

  • Raphael Lucio Andreatti Filho FMVZ-UNESP
  • Guilherme Augusto Marietto Gonçalves FMVZ-UNESP
  • Adriano Sakai Okamoto FMVZ-UNESP
  • Edna Teresa de Lima FMVZ-UNESP

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v12i1.3774

Palavras-chave:

PCR, Salmonella Enteritidis, ave, extração de DNA, CTAB.

Resumo

A identificação de Salmonella spp. em amostras de alimentos por diagnóstico microbiológico é demorada, com aproximadamente cinco diferentes etapas, levando cerca de 120 horas até o resultado final. A utilização da técnica da reação em cadeia da polimerase (PCR) pode diminuir esse período; entretanto, substâncias presentes nas amostras podem afetar a reação. O objetivo deste trabalho foi comparar a extração de DNA de Salmonella enterica sorovar Enteritidis (SE), por tratamento térmico e pelo uso do cetyltrimethil ammonium bromide (CTAB), em produtos provenientes de granjas avícolas, correspondentes a matéria prima (farinha de carne) e a suabes de arrasto experimentalmente contaminados. As amostras de DNA obtidas com as extrações foram submetidas a PCR, utilizando-se um par de oligonucleotídeos iniciadores para amplificação de DNA do gene específico de SE – Sdf 1. Comparando-se os métodos de extração, observou-se que quando do uso do CTAB detectou-se SE em 70% de matéria prima e em 80% de suabes de arrasto, enquanto com o método por tratamento térmico houve positividade em 20% de matéria prima e em 40% de suabes de arrasto. Houve detecção de SE em ambos os métodos utilizados para extração de DNA, porém, o uso de CTAB detectou maior número de amostras positivas, quando comparado com o tratamento térmico.

PALAVRAS-CHAVES: PCR, Salmonella Enteritidis, ave, extração de DNA, CTAB.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raphael Lucio Andreatti Filho, FMVZ-UNESP

Médico Veterinário, graduado pela Universidade Estadual de Londrina (Londrina-PR)

Mestre em Patologia pelo Departamento de Patologia da FMVZ-USP (São Paulo-SP)

Doutor em Microbiologia pelo Departamento de Microbiologia do ICB-USP (São Paulo-SP)

Pós-Doutorado em Microbiologia Aplicada pela University Of Arkansas (EUA)

Professor Adjunto do Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP/Botucatu-SP

Guilherme Augusto Marietto Gonçalves, FMVZ-UNESP

Médico Veterinário e Biólogo, graduado pelo Centro Universitário Monte Serrat (Santos-SP).

Residência Médico Veterinária em Ornitopatologia na FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Mestre em Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Doutorando em Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Adriano Sakai Okamoto, FMVZ-UNESP

Médico Veterinário, graduado Universidade de Marília (Marília-SP).

Residência Médico Veterinária em Ornitopatologia na FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Mestre em Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Doutor em Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Professor Assistente do Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP/Botucatu-SP

Edna Teresa de Lima, FMVZ-UNESP

Médica Veterinária, graduada pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (Recife-PE)

Residência Médico Veterinária em Ornitopatologia na FMVZ-UNESP (Botucatu-SP)

Mestre em Ornitopatologia pelo Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP)

Doutora em Ornitopatologia Ornitopatologia pelo Departamento de Clínica Veterinária da FMVZ-UNESP (Botucatu-SP).

Professora Assistente do Curso de Medicina Veterinária da UFPR/Palotina-PR

Downloads

Publicado

2011-03-31

Como Citar

ANDREATTI FILHO, R. L.; MARIETTO GONÇALVES, G. A.; OKAMOTO, A. S.; LIMA, E. T. de. COMPARAÇÃO DE MÉTODOS PARA EXTRAÇÃO DE DNA NA REAÇÃO EM CADEIA DA POLIMERASE PARA DETECÇÃO DE Salmonella enterica SOROVAR Enteritidis EM PRODUTOS AVÍCOLAS. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 12, n. 1, p. 115–119, 2011. DOI: 10.5216/cab.v12i1.3774. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/3774. Acesso em: 19 maio. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária