QUALIDADE DO SÊMEN DE TAMBAQUI (Colossoma macropomum) CRIOPRESERVADO EM DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE GEMA DE OVO

Autores

  • João Paulo Silva Pinheiro UECE/Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
  • Liliane Veras Leite-Castro UECE/Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
  • Fátima de Cássia Evangelista de Oliveira UECE/Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
  • Francisco Renan Aragão Linhares UECE/Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
  • Júlia Trugílio Lopes UECE/Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
  • Carminda Sandra Brito Salmito-Vanderley UECE / Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias

DOI:

https://doi.org/10.1590/cab17225386

Palavras-chave:

congelação, crioprotetor externo, reprodução

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da adição de gema de ovo (GO) sobre a cinética dos espermatozoides de tambaquis após a criopreservação. Utilizaram-se vinte machos de tambaquis (n= 4 pools), que foram induzidos hormonalmente com extrato hipofisário de carpa, para espermiação. Quatorze horas após a indução, realizou-se a coleta seminal. O sêmen de cada pool foi diluído em Ringer adicionado de 10% de dimetilsulfóxido (DMSO) acrescido ou não de GO (T1: sem acréscimo de GO; T2: com 5% de GO e T3: com 10% de GO). O sêmen tratado foi envasado em palhetas de 0,5 mL, congelado em vapor de nitrogênio líquido (dry shipper-30 min/-153 °C) e posteriormente transferidas para nitrogênio líquido. As palhetas foram descongeladas em banho-maria a 37 °C/30 segundos. A taxa de motilidade (%) e a velocidade curvilinear espermática (µm/s) foram analisadas em sistema computadorizado (CASA). Os dados foram expressos em média ± desvio padrão e foi aplicado o teste de Tukey (P<0,05). Houve uma redução significativa na porcentagem de espermatozoides móveis e velocidade curvilinear após a adição de GO independente da concentração. Logo, a adição de GO ao Ringer + DMSO teve efeito negativo sobre a motilidade do sêmen congelado de tambaqui.
Palavras-chave: congelação; crioprotetor extracelular; reprodução.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carminda Sandra Brito Salmito-Vanderley, UECE / Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias

Professora, orientadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias - PPGCV/UECE

Downloads

Publicado

2016-04-29

Como Citar

PINHEIRO, J. P. S.; LEITE-CASTRO, L. V.; OLIVEIRA, F. de C. E. de; LINHARES, F. R. A.; LOPES, J. T.; SALMITO-VANDERLEY, C. S. B. QUALIDADE DO SÊMEN DE TAMBAQUI (Colossoma macropomum) CRIOPRESERVADO EM DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE GEMA DE OVO. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 17, n. 2, p. 267–273, 2016. DOI: 10.1590/cab17225386. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/25386. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária