EDUCAÇÃO, APRENDIZAGEM E COMPLEXIDADE NOS PROCESSOS INCLUSIVOS DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36350

Autores

  • Roberta Galasso NARDI Professora da FEUSP- Departamento de Metodologia e Educação Comparada.

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v5i1.36350

Palavras-chave:

educação, aprendizagem, complexidade, inclusão e deficiência

Resumo

Este artigo aborda a maneira como a educação pode ser repensada dentro da estrutura do pensamento complexo, enfatizando o papel do conhecimento enquanto possibilidade de emancipação do ser. Destaca a importância da interação no processo de aprendizagem e os mecanismos necessários para que se compreenda a construção de conhecimento do aluno deficiente. Finalmente, problematiza como é possível, dentro do contexto atual, marcado pelas desigualdades que caracterizam a sociedade brasileira e pelas políticas neoliberais, redimensionar o papel da educação para pessoas com deficiência em escolas regulares, garantindo, assim, significativos processos de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberta Galasso NARDI, Professora da FEUSP- Departamento de Metodologia e Educação Comparada.

Professora da  FEUSP- Departamento de Metodologia e Educação Comparada. Mestre em Educação e Currículo (PUC/São Paulo). Doutorado  em Educação e Currículo (PUC/São Paulo). Pedagoga. Membro  do Grupo de Pesquisa Ecotransd. Currículo Lattes http://lattes.cnpq.br/7681640578582195 . E.mail: rogalasso@terra.com.br

Downloads

Publicado

2015-06-30

Como Citar

NARDI, R. G. EDUCAÇÃO, APRENDIZAGEM E COMPLEXIDADE NOS PROCESSOS INCLUSIVOS DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36350. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 5, n. 1, p. 123–144, 2015. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36350. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/36350. Acesso em: 18 maio. 2024.