BASE NACIONAL COMUM: DESCONSTRUÇÃO DE DISCURSOS HEGEMÔNICOS SOBRE CURRÍCULO MÍNIMO. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36348

Autores

  • Patricia LIMAVERDE UEC - Professora da Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v5i1.36348

Palavras-chave:

Currículo, Base Nacional Comum, hegemonias, neotecnicismo

Resumo

Este artigo compreende investigações, questionamentos e desconstruções sobre os atuais debates a respeito do estabelecimento do currículo mínimo comum em nível nacional. Questiono o discurso tendencioso que estabelece como sinônimos “currículo mínimo” e “Base Nacional Comum”. São revisitados os contextos das LDBs de 1971 e da atual LDB de 1996, de caráter pós-ditadura. Busco compreensões, a partir de pesquisas nestes e em outros documentos oficiais, além de artigos e sítios na internet, influências diretas do setor empresarial nas instâncias de discussão e de decisão das políticas públicas em educação. É ressaltada, na legislação em vigor, a atribuição de autonomias às instituições e aos sistemas de ensino em relação à elaboração flexível da organização escolar e curricular, aberta às emergências e contextos, possibilitando e incentivando ações educativas inter e transdisciplinares, previstas inclusive em seus Projetos Pedagógicos. Concluo com uma reflexão crítica a respeito das consequências para a educação nacional decorrentes da ênfase dada aos processos avaliativos, de base internacional ou nacional, fragilizando a atuação reflexiva e engajada dos pesquisadores e das universidades nos contextos educacionais do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patricia LIMAVERDE, UEC - Professora da Universidade Estadual do Ceará

Bióloga, Mestre em Educação, PUC-SP; Doutora em Educação pela UCB com estágio sanduíche em Barcelona/Espanha; professora da Universidade Estadual do Ceará; membro do grupo de pesquisa Ecologia dos Saberes, transdisciplinaridade e educação; interesses de pesquisa: currículo, epistemologia e ensino de ciências. patricia.limaverde@uece.br

Downloads

Publicado

2015-06-30

Como Citar

LIMAVERDE, P. BASE NACIONAL COMUM: DESCONSTRUÇÃO DE DISCURSOS HEGEMÔNICOS SOBRE CURRÍCULO MÍNIMO. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36348. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 5, n. 1, p. 78–97, 2015. DOI: 10.5216/teri.v5i1.36348. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/36348. Acesso em: 3 dez. 2023.