Infância, educação e trabalho: relações contraditórias na vida da criança no contexto capitalista

Autores

  • Ivone Garcia Barbosa Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil, ivonegbarbosa.ufg@gmail.com
  • Telma Aparecida Teles Martins Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), Goiânia, Goiás, Brasil, teles.telma@gmail.com
  • Marcos Antônio Soares Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil, marcossoares.ufg@gmail.com

DOI:

https://doi.org/10.5216/rp.v32i2.70889

Resumo

Este texto discute a relação entre infância, educação e trabalho na sociedade capitalista, apoiando-se no entendimento que essas dimensões da vida social são constructos sócio-históricos situados em um dado contexto e demarcados nas/pelas lutas de classes. As análises elaboradas consideram as diferentes dimensões e os seus múltiplos condicionantes da vida das crianças de baixa renda, moradoras do campo e da cidade, que se submetem, de algum modo, à lógica do trabalho e ao sistema de produção capitalista. Com base numa pesquisa bibliográfica e documental, tendo como referência o método materialista histórico-dialético, destaca-se dados de pesquisas realizadas sobre o tema e os indicadores sociais que retratam a infância brasileira e goiana que se educam pelo/no mundo do trabalho. Nesse cenário, estatísticas recentes ressaltam que o trabalho infantil vem assumindo uma linha ascendente em estados brasileiros como Goiás, contrariando a legislação vigente no país. As evidências anunciam tanto a conformação quanto a resistência dos diferentes sujeitos sociais – incluindo as próprias crianças – no que tange à busca de consolidação dos direitos humanos, em particular, dos direitos das crianças em âmbito mundial e nacional, sendo urgente defender e construir propostas referenciadas em uma educação integral emancipadora.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivone Garcia Barbosa, Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil, ivonegbarbosa.ufg@gmail.com

Doutora em Educação (USP). Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Infância e sua Educação em Diferentes Contextos (NEPIEC/FE-UFG). Orcid: https://orcid.org/0000-0002-0636-8485.

Telma Aparecida Teles Martins, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), Goiânia, Goiás, Brasil, teles.telma@gmail.com

Doutora em Educação (UFG). Professora do Instituto Federal de Educação, ciência e Tecnologia de Goiás – Campus Goiânia Oeste. Membro do NEPIEC/ FE-UFG. Orcid: https://orcid.org/0000-0003-1135-1087.

Marcos Antônio Soares, Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil, marcossoares.ufg@gmail.com

Doutor em Educação (UFG). Professor da Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás. Vice-Coordenador do NEPIEC/ FE-UFG. Orcid: https://orcid.org/0000-0003-0074-503X.

Downloads

Publicado

2021-11-18

Como Citar

GARCIA BARBOSA, I.; TELES MARTINS, T. A.; SOARES, M. A. Infância, educação e trabalho: relações contraditórias na vida da criança no contexto capitalista. Revista Polyphonía, Goiânia, v. 32, n. 2, p. 39–58, 2021. DOI: 10.5216/rp.v32i2.70889. Disponível em: https://revistas.ufg.br/sv/article/view/70889. Acesso em: 17 maio. 2022.