Apontamentos sobre a mudança de posição da criança na sua travessia pela aquisição da escrita

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/sig.v33.66843

Palavras-chave:

Aquisição da Escrita, Interacionismo, Mudança de posição, Criança

Resumo

Discutimos, neste artigo, o movimento de travessia da criança pela aquisição da linguagem escrita. Destacamos a visão estrutural da mudança conforme proposta da pesquisadora brasileira Cláudia de Lemos, no campo da aquisição de linguagem. Ampliando essa noção para a escrita inicial infantil, apresentamos os registros de uma criança de três anos de idade, acompanhada no Nível I da Educação Infantil. Observamos que, na passagem da criança de não-escrevente para escrevente, a letra propriamente dita aparece na escrita inicial quando a criança, colocada em contato com textos, movimenta-se na estrutura e recalca a representação pictórica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Magda Wacemberg Pereira Lima Carvalho, Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Recife, Pernambuco, Brasil.

Doutora e Mestre em Ciências da Linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), Graduada em Letras, Professora da Rede Pública do Estado de Pernambuco.

Referências

BORGES, Sônia. O quebra-cabeça: a alfabetização depois de Lacan. Goiânia: Ed. da UCG, 2006.

BOSCO, Zelma Regina. A criança na linguagem: a fala, o desenho e a escrita. São Paulo: Cefiel/IEL/UNICAMP, 2005.

BOSCO, Zelma Regina. A errância da letra: o nome próprio na escrita da criança. Campinas, SP: Pontes Editores, 2009.

BURGARELLI, Cristóvão Giovani. Escrita e corpo pulsional. 2003. 126f. Tese (Doutorado em Linguística) – Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem, Campinas, SP, 2003.

CHEMAMA, Roland. Dicionário de psicanálise. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 1995.

JAKOBSON, Roman. Linguística e Comunicação. 21.ed. São Paulo: Editora Cultrix, 2008.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Uma abordagem sócio-construtivista da aquisição de linguagem: um percurso e muitas questões. Anais do I Encontro Nacional sobre Aquisição de Linguagem, CEAAL, PUCRS, 1989. p. 1-14.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. [1992] Os Processos Metafóricos e Metonímicos como Mecanismos de Mudança. Substratum/ Artes Médicas, v. 1, n. 3, p. 151-172, 1998.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Sobre a aquisição da escrita: algumas questões. In: ROJO, R. Alfabetização e letramento: perspectivas linguísticas. Campinas, SP: Mercado das Letras, 1998. p. 8-18.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Sobre o “Interacionismo”. Revista Letras de Hoje, v. 34, n. 3, p. 11-16, set. 1999. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fale/article/view/14944/9884. Acesso em 10 maio 2018.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Desenvolvimento da Linguagem e Processo de Subjetivação. Revista Interações, v. V, n. 10, p. 53-72, jul/dez. 2000. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/354/35401004.pdf Acesso em: 11 maio 2020.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Das Vicissitudes da Fala da Criança e sua Investigação. Cadernos de Estudos Linguísticos. Campinas: IEL/Unicamp, n. 42, p. 41-69, 2002. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cel/article/view/8637140. Acesso em: 10 jun. 2020.

LEMOS, Cláudia Thereza Guimarães de. Uma crítica (radical) à noção de desenvolvimento na Aquisição da Linguagem. In: LIER-DE VITTO, Maria Francisca; ARANTES, Lúcia (org.). Aquisição, patologias e clínica de linguagem. São Paulo: EDUC, FAPESP, 2006. p. 21-32.

POMMIER, Gérard. Naissance et renaissance de l’écriture. Paris: Press Universitaires de France, 1993.

POMMIER, Gérard. A história da escrita e a aprendizagem de cada criança. In: LIER-DE VITTO, M. F.; ARANTES, L. (org.). Faces da escrita: linguagem, clínica, escola. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2011. p. 17-31.

SAUSSURE, Ferdinand de. [1916] Curso de Linguística Geral. 27.ed. São Paulo: Cultrix, 2006.

Downloads

Publicado

09-08-2021

Como Citar

Wacemberg Pereira Lima Carvalho, M. (2021). Apontamentos sobre a mudança de posição da criança na sua travessia pela aquisição da escrita. Signótica, 33. https://doi.org/10.5216/sig.v33.66843

Edição

Seção

Dossiê de Estudos Linguísticos