Variação pronominal tu/você em Concórdia/SC: o papel dos fatores sociais

Autores

  • Lucelene Teresinha Franceschini Universidade Estadual do Centro-Oeste

DOI:

https://doi.org/10.5216/sig.v27i2.30825

Palavras-chave:

sociolinguística, variação pronominal tu/você, fatores sociais.

Resumo

Neste artigo analisamos a influência dos fatores sociais, faixa etária, sexo e escolaridade no uso dos pronomes pessoais tu/você no falar de Concórdia – Santa  Catarina.  Este  estudo  está  apoiado,  especialmente,  nos  pressupostos teóricos  da  sociolinguística  variacionista  (LABOV,  1972).  A  amostra  foi constituída  por  24  entrevistas,  distribuídas  por  duas  faixas  etárias;  sexo  e três níveis de escolaridade. Para a análise estatística dos dados coletados foi utilizado o pacote de programas VARBRUL (PINTZUK, 1988). Os resultados gerais indicam que os falantes mais jovens, do sexo masculino e com maior escolaridade favorecem o uso do pronome inovador você.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lucelene Teresinha Franceschini, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Pós-doutoranda em Letras/Linguística - UNICENTRO (PNPD/CAPES)

Downloads

Publicado

2015-12-22

Como Citar

FRANCESCHINI, L. T. Variação pronominal tu/você em Concórdia/SC: o papel dos fatores sociais. Signótica, Goiânia, v. 27, n. 2, p. 265–286, 2015. DOI: 10.5216/sig.v27i2.30825. Disponível em: https://revistas.ufg.br/sig/article/view/30825. Acesso em: 17 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigo