Padrões nutricionais e saúde bucal infantil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/revufg.v21.61986

Resumo

Este projeto teve como objetivo viabilizar o contato de alunos de graduação e profissionais das diversas áreas da saúde com a comunidade local para identificar e intervir nos possíveis fatores contribuintes para a presença de obesidade infantil e frequência de hábitos bucais deletérios relacionados às maloclusões. O público alvo foram crianças na faixa etária de 4 a 8 anos, pertencentes à comunidade externa à Universidade Federal de Goiás. Discussões, atividades e palestras sobre assuntos nutricionais e de higiene oral foram planejadas e executadas, com foco em abordagens preventivas direcionadas a crianças, pais/responsáveis e profissionais da educação. Questionários foram utilizados como ferramenta para avaliar a eficácia das ações de educação em saúde. Concluiu-se que as ações foram benéficas, porém as mudanças nos hábitos das crianças, envolvem fatores culturais, sociais e econômicos, sendo a família e a escola responsáveis pelo ensino da educação em saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

10-08-2021

Como Citar

SANTOS, K. C.; DARC, G. L.; MACHADO, E. C. F.; PEREZ, A. P. da S. .; LUCAS, B. de L. Padrões nutricionais e saúde bucal infantil. Revista UFG, Goiânia, v. 21, n. 27, 2021. DOI: 10.5216/revufg.v21.61986. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/61986. Acesso em: 25 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos