REPENSAR A DEMOCRACIA

Autores

  • Paulo Márcio Cruz UFSC- Santa Catarina - Brasil

DOI:

https://doi.org/10.5216/rfd.v33i1.9804

Palavras-chave:

Democracias, Princípio Democrático, Legitimidade

Resumo

O presente artigo discute o futuro da Democraciaa partir das mudanças que estão ocorrendo e às quaisse convencionou chamar de Pós-Modernidade. Repensara Democracia neste momento é fundamental, pois o mundo“pós-moderno” já não crê na legitimidade que não sejaverdadeiramente democrática. Também se procura prever,como objetivo deste trabalho, a possibilidade da construçãode espaço democrático transnacional também é objetivo dopresente trabalho. São assuntos discutidos ao longo do texto.Conclui-se que em todo o mundo “acordado” e afetadopela globalização, faz-se cada vez mais certo que o únicopoder legítimo é o poder com investidura popular, eleitodesde baixo. O grande desafio é, pois, encontrar o pluralismoaplicativo para a Democracia, partindo-se da hipótesede que “democracia” seja um valor de civilização

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Márcio Cruz, UFSC- Santa Catarina - Brasil

Doutor e Mestre em Direito do Estado pela Universidade Federal de Santa Catarina, com Pós-Doutorado na Universidadede Alicante, na Espanha, onde é professor convidado permanente do Máster em Derecho Ambiental y de la Sostenibilidad- MADAS (www.madas.ua.es). Foi Secretário de Estado e Vice-Reitor da UNIVALI. É professor dos Cursos de Mestrado eDoutorado em Direito da Universidade do Vale do Itajaí – UNIVALI (SC) (www.univali.br/cpcj).

Downloads

Publicado

2010-05-06

Como Citar

CRUZ, P. M. REPENSAR A DEMOCRACIA. Revista da Faculdade de Direito da UFG, Goiânia, v. 33, n. 1, p. 115/128, 2010. DOI: 10.5216/rfd.v33i1.9804. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revfd/article/view/9804. Acesso em: 24 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos Científicos