EDUCAÇÃO INFANTIL: HISTÓRICO E PERCEPÇÕES DE EDUCADORAS SOBRE A FUNÇÃO DA INSTITUIÇÃO

Autores

  • Caroline de Souza Araújo Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP), Araraquara, São Paulo, Brasil, carolined_@hotmail.com https://orcid.org/0000-0002-1485-3157
  • Marcia Cristina Argenti Perez Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP), Araraquara, São Paulo, Brasil, marcia.argent@unesp.br https://orcid.org/0000-0002-4173-9923

DOI:

https://doi.org/10.5216/ia.v46i3.63762

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar um breve histórico da função da Educação Infantil e percepções de educadoras sobre similaridades entre creche e pré-escola e a função atual da instituição. A metodologia engloba pesquisas e documentos oficiais destinados à Educação Infantil e dados empíricos obtidos por observação participante e entrevista semiestruturada com oito educadoras de uma instituição municipal do interior de São Paulo. Os dados foram analisados com base no conceito de unidades significativas da Análise de Conteúdo de Bardin (2016). Os resultados mostram que o caráter assistencialista ainda se faz presente no interior das práticas educacionais, mas que avanços já foram alcançados no reconhecimento da criança e da função da instituição. Essa tem funções sociopolítica e pedagógica que devem ser cumpridas e reconhecidas.

PALAVRAS-CHAVE: Educação Infantil. Função da Instituição. Práticas Pedagógicas. Reconhecimento da Criança.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Caroline de Souza Araújo, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP), Araraquara, São Paulo, Brasil, carolined_@hotmail.com

Graduada em Pedagogia (2021) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP - Faculdade de Ciências e Letras, Campus de Araraquara. Mestranda em Educação Escolar (2021) na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP - Faculdade de Ciências e Letras, Campus de Araraquara. Atua na área de Educação como professora de inglês em escola de idiomas.

Marcia Cristina Argenti Perez, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP), Araraquara, São Paulo, Brasil, marcia.argent@unesp.br

Doutora em Psicologia (Ciências) pelo Programa de Pós-graduação em Psicologia da Universidade de São Paulo (USP, 2004), Mestra em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP, 2000) e Pedagoga com habilitação em Deficiência Intelectual pela Universidade Estadual Paulista (UNESP, 1997). Atualmente é Chefe, Docente e Pesquisadora do Departamento de Psicologia da Educação da Faculdade de Ciências e Letras, UNESP, Campus de Araraquara, SP. Docente dos Programas de Pós-Graduação em Educação Escolar (Acadêmico) e Educação Sexual (Profissional) da UNESP - FCLAr.

Downloads

Publicado

2021-12-24

Como Citar

ARAÚJO, C. de S. .; PEREZ, M. C. A. . EDUCAÇÃO INFANTIL: HISTÓRICO E PERCEPÇÕES DE EDUCADORAS SOBRE A FUNÇÃO DA INSTITUIÇÃO. Revista Inter Ação, Goiânia, v. 46, n. 3, p. 1593–1604, 2021. DOI: 10.5216/ia.v46i3.63762. Disponível em: https://revistas.ufg.br/interacao/article/view/63762. Acesso em: 19 maio. 2022.