Implementação da bncc da educação física nas escolas municipais de ensino fundamental em Rio Grande/RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v25.69901

Palavras-chave:

Base Nacional Comum Curricular, Educação Física, Ensino Fundamental

Resumo

O artigo objetivou responder três questões: como está ocorrendo o processo de implementação da BNCC da Educação Física em Rio Grande/RS? Como os professores de Educação Física dessas escolas estão percebendo o processo de implementação da BNCC? E, se os professores estão adequando seus planejamentos aos conteúdos previstos na BNCC? A produção de dados se deu por entrevistas semiestruturadas. A análise foi realizada por meio da análise de conteúdo, resultando em três categorias: implementação da BNCC nas escolas municipais; pontos positivos e negativos da BNCC; e adequação do ensino a BNCC. Observa-se esforço da secretária competente em implementar o documento, porém, os professores ainda demonstram pouco conhecimento sobre esse documento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Toaldo Gentilini Avila, Universidade Federal do Rio Grande (UFRG), Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil lutoaldo@msn.com

Licenciada e Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação pela Universidade Federal de Pelotas.

Arisson Vinícius Landgraf Gonçalves, Universidade Federal do Rio Grande (UFRG), Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil arissonvinicius@yahoo.com.br

Mestre e Doutor em Educação em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências da Universidade Federal do Rio Grande. Licenciado em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas. Professor Adjuntono Instituto de Educação da Universidade Federal do Rio grande - FURG.

 

Downloads

Publicado

2022-03-29

Como Citar

TOALDO GENTILINI AVILA, L.; LANDGRAF GONÇALVES, A. V. Implementação da bncc da educação física nas escolas municipais de ensino fundamental em Rio Grande/RS. Pensar a Prática, Goiânia, v. 25, 2022. DOI: 10.5216/rpp.v25.69901. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/69901. Acesso em: 3 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais