Oportunidades de estimulação motora em ambientes domiciliares do Amazonas e fatores associados

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v24.67726

Palavras-chave:

Crianças, oportunidades de estimulação motora, ambiente doméstico

Resumo

O objetivo do presente estudo foi analisar as oportunidades
de estimulação motora em ambientes domiciliares e fatores associados
em crianças de Parintins/Amazonas. Participaram 300 pais/responsáveis
por crianças da cidade de Parintins/Amazonas. Affordances in the Home
Environment for Motor Development foi utilizado para avaliar oportunidades de estimulação motora. A prevalência de baixa estimulação moto-
ra foi 78% maior nas casas em que moravam quatro ou mais adultos
(RP: 1,78; IC95%: 1,07-2,87); mães com o ensino fundamental (RP: 15,93;
IC95%:2,45-17,50) e ensino médio (RP: 10,07; IC95%: 1,46-54,01) forne-
cem baixa estimulação motora; e crianças do sexo masculino apresenta-
ram maior probabilidade de baixa estimulação motora (RP: 1,56; IC95%:
1,09-1,94). Identificamos que lares nessa região não ofertam oportuni-
dades de estimulação motora adequada para as crianças.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-12-23

Como Citar

DUARTE, M.; SANTOS DALPIAZ DUARTE, G. .; CARVALHO NOBRE, G.; VIVIANE GOMES BRANDÃO, T.; NOVELLINO BENDA, R. Oportunidades de estimulação motora em ambientes domiciliares do Amazonas e fatores associados. Pensar a Prática, Goiânia, v. 24, 2021. DOI: 10.5216/rpp.v24.67726. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/67726. Acesso em: 23 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais