Três dimensões do conceito de “diferença” como condição para a comunicação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ci.v26.74904

Palavras-chave:

Comunicação, Diferença, Epistemologia, Pesquisa

Resumo

Este texto emerge do diálogo com as proposições de Ferrara (2021), apresentadas no 30º Encontro da Compós, sobre o conceito de  “diferença” nos estudos de Comunicação. Embora a noção esteja amplamente estabelecida como um dos pilares do pensamento ocidental, desde a filosofia antiga até os Estudos Literários e Culturais contemporâneos, parece ainda ser um assunto pouco abordado diretamente na pesquisa em Comunicação, onde é elaborado sobretudo a partir de outras disciplinas. Com base nos argumentos de Ferrara (2021), apresenta-se a possibilidade de entender “diferença”, na pesquisa de Comunicação, como (1) a condição necessária antes de qualquer comunicação; (2) um elemento constitutivo de qualquer sociedade de onde se espera que a comunicação surja; (3) como categoria política, reivindicando espaços e reconhecimentos múltiplos em relação aos poderes estabelecidos. Esses elementos são discutidos no contexto da epistemologia da comunicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luis Mauro Sá Martino, Faculdade Cásper Líbero (FCL), São Paulo, São Paulo, Brasil, lmsamartino@gmail.com

Doutor em Ciências Sociais pela PUC-SP e professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Faculdade Cásper Líbero. Pesquisador bolsista do CNPq.

Ângela Cristina Salgueiro Marques, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, angelasalgueiro@gmail.com

Doutora em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Professora Associada do Departamento de Comunicação Social da UFMG, onde leciona também na pós-graduação. Integra os grupos de pesquisa MARGEM (UFMG); DIZ (UFV) e Grupo de Pesquisa Corpo, imagem e sociabilidade (UTP). É co-autora dos livros Apelos solidários (Intermeios, 2017), escrito com Angie Biondi; Diálogos e Dissidências: M. Foucault e J. Rancière (Appris, 2018), com Marco Aurélio Máximo Prado; e Ética, Mídia e Comunicação (Summus, 2018), com Luis Mauro Sá Martino. É tradutora das seguintes obras do filósofo Jacques Rancière: O trabalho das Imagens (Chão da Feira, 2021) e O método da cena (Quixote + Do, 2021).

Referências

AGAMBEN, Giorgio. Signatura Rerum. Buenos Aires: Adriana Hidalgo, 2009.

MARTINO, L. M. S.; MARQUES, A. C. S. Aproximações e ambivalências epistemológicas da pesquisa que se constitui entre a comunicação e o comunicar. Lumina, v. 18, p. 1-19, 2014.

MARTINO, L. M. S.; MARQUES, A. C. S. A afetividade do conhecimento na epistemologia: a subjetividade das escolhas na pesquisa em Comunicação. MATRIZES (USP. IMPRESSO), v. 12, p. 217-234, 2018.

MARTINO, L. M. S.; MARQUES, A. Limiares do estrangeiro na comunicação: a fronteira como ambivalência comunicacional entre o acolhimento e a hostilidade. CAMBIASSU: Estudos em Comunicação (ONLINE), v. 15, p. 66-82, 2020.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade e ambivalência. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2004.

CAIAFA, Janice. Comunicação da Diferença. Fronteiras, v. 6, n. 2, jul-dez. 2004, p. 47-56.

CASTILLO, Alejandra. Asemblea de los cuerpos. Santiago: Sangria, 2020.

D’AMARAL, Márcio T. Comunicação e Diferença. Rio de Janeiro: UFRJ, 2004.

DELEUZE, Gilles. Diferença e repetição. Lisboa: Relógio D’Água, 1998.

DERRIDA, Jacques. O monolinguismo do outro. Belo Horizonte: Chão da Feira, 2017.

EMCKE, Carolin. Between Choice and Coercion: Identities, Injuries, and Different Forms of Recognition. Constellations, v.7, nº4, 2000, pp.483-495.

FERRARA, Lucrécia D’A. Epistemologia da Diferença. 30o. ENCONTRO DA COMPÓS. Anais… São Paulo: PUC-SP, 27 a 30 de julho de 2021.

FERRARA, Lucrécia D’A. Epistemologia Política da Comunicação. 25o ENCONTRO DA COMPÓS. Anais… Goiânia: UFG, 7 a 10 de junho de 2016.

FERRARA, Lucrécia. D'A. A epistemologia de uma comunicação indecisa. 22o. ENCONTRO DA COMPÓS. Anais… Salvador: UFBA, 5 a 8 de junho de 2013.

FOUCAULT, Michel. As palavras e as coisas. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

FRASER, Nancy. Justice Interruptus: critical reflections on the ‘postsocialist’condition. London: Routledge, 1997.

FRY, Peter. Para Inglês ver. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1982.

HALL, Stuart. Identidade Cultural. São Paulo: Fundação Memorial da América Latina,1997.

HALL, Stuart. Quem precisa da identidade?. In: Silva, Tomaz Tadeu da (org.) Identidade e Diferença. Petrópolis: Vozes, 2000.

HALL, Stuart. Significação, representação, ideologia. In: SOVIK, Liv (org). Da diáspora. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2013, p. 160-198.

HEIDEGGER, Martin. Identidade e diferença. Petrópolis: Vozes, 2006.

MAIA, Rousiley. Identidades coletivas: negociando novos sentidos, politizando as diferenças. Contracampo, n.5, jul/dez 2000.

MAIA, Rousiley. A identidade em contextos globalizados e multiculturais: alguns dilemas da igualdade e da diferença. Geraes, n.50, 1999, pp.12-25.

MAIA, Rousiley. Identidade e Discurso: a inclusão do Outro. Fronteiras – estudos midiáticos, v.IV, n.1, junho de 2002.

MARKELL, Patchen. The Recognition of Politics: A Comment on Emcke and Tully. Constellations, v.7, nº4, 2000, pp.496-506.

MARTINO, Luís M. S. Comunicação e Identidade. São Paulo: Paulus, 2010.

MARTINO, Luis M. S. Dos “Fundamentos Científicos” à “Teoria da Comunicação”: uma controvérsia epistemológica nas origens da Área. Comunicação & Informação, Goiânia, Goiás, v. 21, n. 3, p. 107–122, 2018.

MOON, Donald. Practical Discourse ad communicative ethics. In: White, Stephen (ed). The Cambridge Companion to Habermas. Cambridge: Cambridge University Press, 1995.

OLIVEIRA, Luciana; FIGUEROA, Júlio Vitorino. Pensar a Comunicação Intermundos: fóruns cosmopolíticos e diálogos interdisciplinares. 29o. COMPÓS. Anais… Salvador: UFBA, 2020.

PIERUCCI, Antonio F. Ciladas da Diferença. São Paulo: Ed. 34, 1999.

SILVA, Tomaz Tadeu da (org.) Identidade e Diferença: a perspectiva dos Estudos Culturais. Petrópolis: Vozes, 2000.

TAYLOR, Charles. The politics of recognition. In: GUTMANN, Amy (ed). Multiculturalism. Princeton: Princeton University Press, 1994, pp.25-74.

TULLY, James. Struggles over Recognition and Distribution. Constellations, v.7, nº4, 2000, p.469-482.

YOUNG, Iris. Justice and the politics of difference. Princeton: Princeton University Press, 1990.

Downloads

Publicado

2023-01-02

Como Citar

MARTINO, L. M. S.; MARQUES, Ângela C. S. Três dimensões do conceito de “diferença” como condição para a comunicação. Comunicação & Informação, Goiânia, Goiás, v. 26, p. 17–34, 2023. DOI: 10.5216/ci.v26.74904. Disponível em: https://revistas.ufg.br/ci/article/view/74904. Acesso em: 26 maio. 2024.