A Gestão da comunicação interna das instituições públicas: um recurso esquecido

Autores

  • Maria Francisca Magalhães Nogueira Universidade Federal de Goiás (UFG)

DOI:

https://doi.org/10.5216/c&i.v4i1/2.24024

Palavras-chave:

Comunicação interna. Gestão pública. Mudanças. Instituições públicas.

Resumo

Analisa a gestão da comunicação interna das instituições públicas em face das mudanças ocorridas no cenário nacional e internacional. Sugere mudanças significativas no processo de gerenciamento da comunicação de forma estratégica, com vistas a possibilitar o desenvolvimentode uma nova visão da prática gerencial nas instituições públicas. Aponta a necessidade de os profissionais de comunicação dos órgãos públicos desvencilharem-se do modelo burocrático e tradicional da filosofia vigente nas instituições, a fim de promover uma comunicação integrada e consensuada em todos os níveis e serviços. Provavelmente, a contribuição que esse profissional poderá prestar aos diretores, aos gerentes, aos chefes e a todo o corpo de funcionários está na conscientização de todas as necessidades de comunicação demonstradas ao longo do texto.

 

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Francisca Magalhães Nogueira, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Mestre em Comunicação e Profa. da Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia da UFG.

Downloads

Publicado

2013-05-03

Como Citar

NOGUEIRA, M. F. M. A Gestão da comunicação interna das instituições públicas: um recurso esquecido. Comunicação & Informação, Goiânia, Goiás, v. 4, n. 1/2, p. 121–131, 2013. DOI: 10.5216/c&i.v4i1/2.24024. Disponível em: https://revistas.ufg.br/ci/article/view/24024. Acesso em: 23 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos