AVALIAÇÃO DA INTEGRIDADE DE MEMBRANA EM ESPERMATOZÓIDE BOVINO CRIOPRESERVADO PARA PREVER O ÍNDICE DE PRENHEZ

Autores

  • Lucas Luz Emerick Universidade Federal de Minas Gerais
  • Juliano Cesar Dias IAPAR-PR
  • Vicente R. do Vale Filho Universidade Federal de Minas Gerais
  • Martinho de A. e Silva Universidade Federal de Minas Gerais
  • Venício José de Andrade UFMG
  • Ticiano Guimarães Leite UFMG
  • Jorge André M. Martins Bolsista DCR CNPq/Funcap da Universidade Federal do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v12i3.9739

Palavras-chave:

membrana espermática, reação acrossômica induzida, teste de termorresistência, teste hiposmótico, sêmen.

Resumo

O sêmen de doze tourinhos da raça Tabapuã, que se apresentou após a criopreservação dentro dos padrões andrológicos estabelecidos pelo CBRA (1998), foi submetido aos testes de termorresistência rápida e lenta, hiposmótico, reação acrossômica induzida pela heparina, teste da viabilidade espermática pelo azul de tripan pós-congelação e pós-incubação com a heparina e índice de prenhez na primeira inseminação artificial de novilhas Nelore. As médias das variáveis contínuas dos testes mencionados foram comparadas pelo teste Student–Newman–Keuls e das variáveis subjetivas foram comparadas pelo teste não paramétrico Kruskal-Wallis (p<0,05). Foram estimadas correlações simples entre todas as variáveis e estabelecidos modelos de regressão múltipla para predizer o índice de prenhez em novilhas Nelore, utilizando-se sêmen de machos Tabapuã. Verificou-se que nenhuma das variáveis para avaliar a integridade das membranas em sêmen criopreservado foi isoladamente efetiva (p>0,05) para prever o índice de prenhez, nem mesmo o modelo de regressão múltipla que incluía todas as variáveis. Concluiu-se que o modelo proposto neste estudo não foi efetivo para prever o índice de prenhez. O teste hiposmótico, por sua maior exequibilidade, pode ser sugerido para avaliar a integridade funcional e estrutural da membrana plasmática e capacidade das membranas acrossomais passarem pela reação acrossômica.
PALAVRAS-CHAVE: membrana espermática; reação acrossômica induzida; sêmen; teste de termorresistência; teste hiposmótico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lucas Luz Emerick, Universidade Federal de Minas Gerais

Fiz mestrado no período de 2006-2008 na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atualmente sou aluno de doutorado na mesma escola. No mestrado trabalhei com testes funcionais de membrana utilizando sêmen de tourinhos da raça Tabapuã criopreservado aos dois anos de idade criados a pasto. No doutorado estou trabalhando com diferentes métodos de castração, utilizando um novo método que é a cauterização dos ductos incisivos.

Downloads

Publicado

2011-09-29

Como Citar

EMERICK, L. L.; DIAS, J. C.; VALE FILHO, V. R. do; SILVA, M. de A. e; ANDRADE, V. J. de; LEITE, T. G.; MARTINS, J. A. M. AVALIAÇÃO DA INTEGRIDADE DE MEMBRANA EM ESPERMATOZÓIDE BOVINO CRIOPRESERVADO PARA PREVER O ÍNDICE DE PRENHEZ. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 12, n. 3, p. 536–546, 2011. DOI: 10.5216/cab.v12i3.9739. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/9739. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária