ESTUDO ANATOMOPATOLÓGICO EM TECIDOS CONDENADOS PELO SERVIÇO DE INSPEÇÃO FEDERAL (SIF) POR SUSPEITA DE TUBERCULOSE

Autores

  • Ricardo Evandro Mendes
  • Aline Félix Schneider Centro Universitário Barriga Verde - UNIBAVE
  • Dennys Eduardo Werlich Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA
  • Neuber José Lucca Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense - Câmpus Concórdia
  • Marina Paula Lorenzett Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense - Câmpus Concórdia
  • Célso Pilati Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v14i4.8581

Palavras-chave:

Sanidade Animal, Inspeção, Patologia

Resumo

A metodologia utilizada pela inspeção animal na linha de abate tem gerado controvérsias entre o que deve ser condenado e liberado ao consumo. Acredita-se que órgãos e carcaças estejam sendo condenados por tuberculose sem apresentarem lesão microscópica compatível com tal patologia. O objetivo deste trabalho foi identificar as lesões microscópicas encontradas em amostras de linfonodos condenados por tuberculose pelo SIF (Serviço de Inspeção Federal). Foram coletadas 61 amostras condenadas pelo SIF por suspeita de tuberculose. Os linfonodos foram fixados em formalina tamponada 10%, recortados, processados rotineiramente e incluídos em parafina. Na avaliação realizada pela coloração de Hematoxilina e Eosina (H&E), observaram-se 55 granulomas tuberculóides e três granulomas actinomicóides, um linfonodo apresentando cristais com leve reação inflamatória e dois hiperplasia linfóide. Concluímos, portanto, que o índice de acerto de condenação de lesões de linfonodos por tuberculose foi satisfatório, entretanto poderia ser melhorado.

bovino; inspeção; Mycobacterium bovis; SIF; tuberculose

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Evandro Mendes

Professor de Patologia e Histologia do CAV/UDESC e UNOESC, atualmente doutorando bolsista da CAPES na Universidade de Córdoba - Espanha.

Marina Paula Lorenzett, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense - Câmpus Concórdia

Departamento de Medicina Veterinária

Célso Pilati, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Departamento de Medicina Veterinária

Downloads

Publicado

2013-12-17

Como Citar

MENDES, R. E.; SCHNEIDER, A. F.; WERLICH, D. E.; LUCCA, N. J.; LORENZETT, M. P.; PILATI, C. ESTUDO ANATOMOPATOLÓGICO EM TECIDOS CONDENADOS PELO SERVIÇO DE INSPEÇÃO FEDERAL (SIF) POR SUSPEITA DE TUBERCULOSE. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 14, n. 4, p. 448–453, 2013. DOI: 10.5216/cab.v14i4.8581. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/8581. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária