Soroepidemiologia de leptospirose em equinos da região de Santarém, Pará

Autores

Resumo

Leptospira spp. é a bactéria causadora da leptospirose, uma doença endêmica, distribuída mundialmente, de caráter zoonótico responsável por gerar impacto sanitário e também econômico. Esse microrganismo, com característica espiralada, infecta mamíferos, dentre eles, os equinos. Estes animais, podem apresentar a doença na forma assintomáticos ou clínica. Desta forma, o atual estudo objetivou analisar amostras equinas na região de Santarém- Pará. Analisou-se 88 amostras de animais que não apresentavam histórico de vacinação contra a leptospirose, através da técnica da Microaglutinação Microscópica (MAT), utilizando um painel de13 sorovares, pertencentes a dez diferentes sorogrupos. Desses animais, 58 foram soropositivos (65,90%), distribuídos em 28 (48,3%) amostras soro reagentes para Pyrogenes, 24 (41,4%) para Autumnalis, 18 (31%) para Icterohaemorrhagiae e 16 (27,6%) para Grippotyphosa. Mesmo não havendo suspeita de leptospirose, os animais apresentaram diferentes frequências sorológicas. Considerando-se o conhecido impacto da leptospirose na saúde humana e animal, nossos resultados apontam que é de suma importância estabelecer medidas de prevenção para reduzir perdas econômicas e não oferecer riscos à saúde pública.
Palavras-chave: Leptospira spp.; equídeos; epidemiologia; saúde pública; Pará.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2023-05-04

Como Citar

ULSENHEIMER, B. C.; BARBOZA, C. L.; OBERBECK, E.; CASTRO SILVA, R. L.; FREITAS DE SOUSA, I. K.; VON LAER, A. E.; TONIN, A. A. Soroepidemiologia de leptospirose em equinos da região de Santarém, Pará. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 24, 2023. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/74800. Acesso em: 26 fev. 2024.

Edição

Seção

MEDICINA VETERINÁRIA