DIVERGÊNCIA GENÉTICA ENTRE TOUROS DA RAÇA GIR

Autores

  • Noely Francisca Matos Muniz Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Paulo Bahiense Ferraz Filho Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPTL
  • Luiz Otávio Campos da Silva Embrapa Gado de Corte
  • Aline Barbosa da Silveira Bello Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Júlio César de Souza Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPAR

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v15i2.6109

Palavras-chave:

Produção Animal

Resumo

Estudou-se a divergência genética entre 73 reprodutores da raça Gir, por meio de medidas de dissimilaridade, métodos de agrupamento e análises gráficas por componentes principais, com base nas diferenças esperadas em suas progênies relativas a caracteres ponderais e reprodutivos. As distâncias Euclidianas médias padronizadas obtidas foram 4,3743 entre os mais dissimilares e 0,1135 para os mais similares. Quatro grupos de reprodutores com a mesma similaridade foram obtidos por métodos de agrupamento por otimização. Os três primeiros componentes principais explicaram 82,01% da variância total, o primeiro explicou 37,09%, o segundo respondeu por 26,58% e o terceiro por 18,34% da variância. Os escores dos componentes principais possibilitaram a avaliação visual da divergência genética, por meio de gráficos de dispersão. Os resultados encontrados permitiram identificar entre os animais avaliados, os mais divergentes, recomendando que suas progênies possam ser utilizadas como genitores de acasalamentos em programas de melhoramento que visem obter bezerros com melhor desempenho que os pais.

PALAVRAS-CHAVE: bovinos, diferenças esperadas nas progênies, distância genética, similaridade

 


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Noely Francisca Matos Muniz, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Mestre em Ciência Animal, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Paulo Bahiense Ferraz Filho, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPTL

Doutor em Genética - Professor Associado - CPTL - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Luiz Otávio Campos da Silva, Embrapa Gado de Corte

Doutor em Zootecnia, Pesquisador da Embrapa Gado de Corte

Aline Barbosa da Silveira Bello, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Mestre em Ciência Animal, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Júlio César de Souza, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPAR

Doutor em Genética, Professor Associado, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPAR

Downloads

Publicado

2014-06-29

Como Citar

MUNIZ, N. F. M.; FERRAZ FILHO, P. B.; SILVA, L. O. C. da; BELLO, A. B. da S.; SOUZA, J. C. de. DIVERGÊNCIA GENÉTICA ENTRE TOUROS DA RAÇA GIR. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 15, n. 2, p. 145–151, 2014. DOI: 10.5216/cab.v15i2.6109. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/6109. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal