COMPARAÇÃO DA EFICIÊNCIA DAS COLORAÇÕES DE ZIEHL-NEELSEN MODIFICADO E SAFRANINA MODIFICADA NA DETECÇÃO DE OOCISTOS DE Cryptosporidium spp. (EUCOCCIDIORIDA, CRYPTOSPORIDIIDAE) A PARTIR DE AMOSTRAS FECAIS DE BEZERROS DE 0 A 3 MESES

Autores

  • Renata Dias Rodrigues Universidade Federal de Uberlândia - UFU
  • Lara Reis Gomes Universidade Federal de Uberlândia - UFU
  • Rafael Rocha de Souza Universidade Federal de Uberlândia - UFU
  • Fernando Cristino Barbosa Universidade Federal de Uberlândia - UFU

DOI:

https://doi.org/10.1590/cab.v17i1.31267

Palavras-chave:

Cryptosporidium spp., Enteroparasitose, Oocistos

Resumo

A criptosporidiose bovina é causada principalmente por quatro espécies distintas: Cryptosporidium parvum, Cryptosporidium bovis, Cryptosporidium ryanae e Cryptosporidium andersoni. A espécie Cryptosporidium parvum (Ordem: Eucoccidiorida, Família: Cryptosporidiidae) é considerada de alto potencial zoonótico, podendo infectar humanos por intermédio da eliminação de oocistos tanto pelos bovinos quanto pelo próprio humano. O objetivo desta pesquisa foi verificar a ocorrência de oocistos de Cryptosporidium spp. em amostras fecais de bezerros (75 machos e 77 fêmeas), tendo sido coletadas 152 amostras de fezes de animais do nascimento até os três meses de idade. O material foi submetido às técnicas de coloração de Ziehl-Neelsen modificado e Safranina modificada, as lâminas foram observadas em toda sua extensão ao microscópio óptico para a verificação da presença de oocistos desta enteroparasitose. Os resultados demonstraram 17,1% (26/152) de positividade no total das amostras examinadas e a análise estatística revelou não haver diferença entre o sexo e as técnicas de coloração utilizadas neste estudo. Conclui-se que a infecção por Cryptosporidium spp. esta presente nas propriedades avaliadas, porém são necessários mais estudos para que o risco de infecção seja mensurado adequadamente e medidas profiláticas implementadas.
Palavras-chave: enteroparasitose; ruminante; zoonose.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Dias Rodrigues, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Médica Veterinária

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
Saúde Animal

Especialista em Patologia Clínica Veterinária

Lara Reis Gomes, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Médica Veterinária

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias
Saúde Animal

Especialista em Patologia Clínica Veterinária

Rafael Rocha de Souza, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Médico Veterinário

Residente na Patologia Animal Veterinária (Programa de Residência Uniprofissional em Medicina Veterinária)

Fernando Cristino Barbosa, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Docente da disciplina de Doenças Parasitárias dos Animais Domésticos

Downloads

Publicado

2016-01-30

Como Citar

RODRIGUES, R. D.; GOMES, L. R.; DE SOUZA, R. R.; BARBOSA, F. C. COMPARAÇÃO DA EFICIÊNCIA DAS COLORAÇÕES DE ZIEHL-NEELSEN MODIFICADO E SAFRANINA MODIFICADA NA DETECÇÃO DE OOCISTOS DE Cryptosporidium spp. (EUCOCCIDIORIDA, CRYPTOSPORIDIIDAE) A PARTIR DE AMOSTRAS FECAIS DE BEZERROS DE 0 A 3 MESES. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 17, n. 1, p. 119–125, 2016. DOI: 10.1590/cab.v17i1.31267. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/31267. Acesso em: 16 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária