COMPOSIÇÃO QUÍMICA DO FENO DE Brachiaria brizantha CV. MARANDU TRATADO COM DIFERENTES PROPORÇÕES DE URÉIA E DE ÁGUA

Autores

  • Hélio de Souza
  • Kênia Ferreira Borges

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v1i2.250

Resumo

Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar os efeitos da adição de diferentes quantidades de uréia e de água em feno de Brachiaria brizantha cv. Marandu, colhido após a queda das sementes. O feno foi confeccionado em junho de 1997 e amonizado em setembro de 1997. Utilizou-se um delineamento inteiramente casualizado, com três repetições, em esquema fatorial 3x3, sendo os fatores 20, 30 e 40% de água adicionada e 2, 4 e 6% de uréia na base da matéria seca. Não se verificou consistência para os tratamentos quanto aos teores médios de matéria orgânica. Observou-se que o conteúdo médio de nitrogênio total aumentou com doses crescentes de uréia e decresceu com o aumento da quantidade de água adicionada no feno. Não se verificaram diferenças significativas entre os teores médios de FDN e de hemicelulose em todos os tratamentos. Por outro lado, as doses de 4 e 6% de uréia com 40 % de água adicionada permitiram os menores teores médios de FDA. Nas condições do presente trabalho, pode-se recomendar adição de 4% de uréia e de 20% de água. PALAVRAS-CHAVE: Amonização, FDA, FDN, MO e PB.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-10-23

Como Citar

SOUZA, H. de; BORGES, K. F. COMPOSIÇÃO QUÍMICA DO FENO DE Brachiaria brizantha CV. MARANDU TRATADO COM DIFERENTES PROPORÇÕES DE URÉIA E DE ÁGUA. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 1, n. 2, p. 107–113, 2006. DOI: 10.5216/cab.v1i2.250. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/250. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal