URETROPLASTIA EXPERIMENTAL DE SUBSTITUIÇÃO EM CÃES COM SEGMENTOS HOMÓLOGOS DE ARTÉRIA CARÓTIDA CONSERVADA EM GLICERINA

Autores

  • Neusa Margarida Paulo
  • Peter Fischer
  • Moema Pacheco Chediak Matos
  • Maria da Conceição
  • José de Sousa Freitas
  • Wilton Adriano da Silva Filho
  • Wânia Clélia dos Reis Brito
  • Andréia Victor Couto do Amaral

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v1i1.235

Resumo

Com o objetivo de buscar alternativa para reconstrução uretral, avaliou-se no presente estudo a uretroplastia, por meio do enxerto de artéria carótida homóloga, conservada em glicerina a 98%, em dez cães submetidos à resecção parcial da uretra. Os animais foram avaliados durante 35 dias (dois cães), 17 dias (um cão) e entre 3 a 12 dias (sete cães), conforme as alterações apresentadas durante o pós-operatório. A principal observação foi a formação de fístulas uretrocutâneas entre o terceiro e o décimo sétimo dias, associadas a hemorragias entre as bordas do enxerto. Entre os animais avaliados durante 35 dias, um apresentou uretra patente com jato normal de urina e um outro exibiu estrangúria, devido à obstrução parcial da uretra por hiperplasia epitelial. Em ambos os casos, os limites enxerto-tecidos receptores e enxerto-uretra não puderam ser evidenciados. Mesmo nos animais que apresentaram fístulas, os enxertos aderiram ao leito receptor, indicando estabilização adequada do material. O exame radiológico não evidenciou estenose em nenhum dos animais. Os achados histológicos predominantes foram focos hemorrágicos, metaplasia, neutrófilos, macrófagos e fibroblastos. Os plasmócitos estavam presentes em apenas um caso, não relacionado à reação hiperimune. A principal conclusão é que segmentos homólogos de artéria carótida na uretroplastia dos cães promove grande quantidade de fístulas, hemorragia pósoperatória e hiperplasia epitelial sobre a superfície interna do enxerto. PALAVRAS-CHAVE: Uretra, uretroplastia, carótida homóloga, glicerina, cão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-10-18

Como Citar

PAULO, N. M.; FISCHER, P.; MATOS, M. P. C.; DA CONCEIÇÃO, M.; FREITAS, J. de S.; DA SILVA FILHO, W. A.; BRITO, W. C. dos R.; DO AMARAL, A. V. C. URETROPLASTIA EXPERIMENTAL DE SUBSTITUIÇÃO EM CÃES COM SEGMENTOS HOMÓLOGOS DE ARTÉRIA CARÓTIDA CONSERVADA EM GLICERINA. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 1, n. 1, p. 65–71, 2006. DOI: 10.5216/cab.v1i1.235. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/235. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária