PRODUÇÃO DE BOVINOS DE CORTE EM PASTAGEM DE AVEIA PRETA E AZEVÉM SUBMETIDA À ADUBAÇÃO NITROGENADA

Autores

  • Gelci Carlos Lupatini UNESP
  • João Restle
  • Ricardo Zambarda Vaz Universidade Federal de Pelotas
  • Alexandre Vargas Valente UFSM
  • Cledson Roso UFSM
  • Fabiano Nunes Vaz UFSM

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v14i2.21068

Palavras-chave:

Bezerros, Eficiência do nitrogênio, Ganho de peso, Pasto

Resumo

Determinou-se a produção de bovinos em pastagem de aveia preta (Avena strigosa Schreb.) e azevém (Lolium multiflorum Lam.), submetida à adubação nitrogenada com 0; 150 e 300 kg de N ha-1, em cobertura, sob a forma de ureia. Utilizaram-se 36 bezerros como animais-teste, com idade média e peso de 10,5 meses e 180 kg, respectivamente. O método de pastejo foi o de lotação contínua com taxa de lotação variável. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, com três repetições (piquetes). O ganho de peso médio dos animais foi similar para os níveis de adubação avaliados (0,925; 0,969 e 1,045 kg dia-1, respectivamente). A taxa de lotação e ganho de peso vivo por hectare aumentaram linearmente com o incremento das doses de nitrogênio. A eficiência na produção animal foi 2,040 e 1,766 kg de ganho de peso por kg de nitrogênio aplicado, para as doses de 150 e 300 kg de N de nitrogênio, respectivamente. A taxa de lotação e o ganho de peso vivo por hectare dos bezerros de corte aumentaram com as doses de nitrogênio, de 0 a 300 kg de N ha-1; porém, a melhor eficiência em ganho de peso por unidade de nitrogênio aplicado foi obtida na dose de 150 kg de N ha-1.

 

PALAVRAS-CHAVE: bezerros; eficiência do nitrogênio; ganho de peso; pasto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-27

Como Citar

LUPATINI, G. C.; RESTLE, J.; VAZ, R. Z.; VALENTE, A. V.; ROSO, C.; VAZ, F. N. PRODUÇÃO DE BOVINOS DE CORTE EM PASTAGEM DE AVEIA PRETA E AZEVÉM SUBMETIDA À ADUBAÇÃO NITROGENADA. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 14, n. 2, p. 164–171, 2013. DOI: 10.5216/cab.v14i2.21068. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/21068. Acesso em: 21 fev. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal