INFLUÊNCIA DA GORDURA DO LEITE BOVINO E CAPRINO NA RESISTÊNCIA DO Mycobacterium fortuitum À PASTEURIZAÇÃO LENTA

Autores

  • Karina Ramirez Starikoff Universidade de São Paulo
  • Érika Junko Nishimoto
  • Fernando Ferreira
  • Simone Carvalho Balian
  • Evelise Oliveira Telles

DOI:

https://doi.org/10.1590/cab.v17i1.19485

Palavras-chave:

Higiene de Produtos de Origem Animal, Zoonoses.

Resumo

Este estudo objetivou mostrar o efeito da gordura do leite caprino e bovino sobre a resistência térmica do Mycobacterium fortuitum. Amostras de leite foram divididas em duas porções, integral e desnatada, cada porção foi inoculada com M. fortuitum e então distribuída em tubos para a quantificação do agente durante a pasteurização lenta, em banho-maria. As amostras foram diluídas e semeadas em Lowenstein-Jensen (37 °C/5 dias), os resultados da contagem foram expressos em Log10 UFC/mL. O tratamento térmico reduziu 4,4 Log10 UFC/mL no leite caprino integral (2,8% de gordura), 4,9 Log10 UFC/mL no leite caprino desnatado (0,3%), 3,9 Log10 UFC/mL no leite bovino integral (5,9%) e 5,4 Log10 UFC/mL no leite bovino desnatado (0,2%), sem diferença significante, possivelmente pelo baixo número de amostras. Os valores D65 °C foram, respectivamente, 10,51 minutos, 8,61 minutos, 18,02 minutos e 7,82 minutos e o valor de R2 baixo das equações da reta indicam que outros fatores, além dos que foram estudados, influenciam a morte térmica do agente. Os resultados sugerem uma tendência de influência da gordura do leite e também da espécie animal sobre a taxa de decaimento do M. fortuitum, sendo que a pasteurização foi menos eficaz sobre o M. fortuitum no leite bovino integral.
Palavras-chave: espécie de origem do leite; gordura; micobactéria; morte térmica; redução decimal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina Ramirez Starikoff, Universidade de São Paulo

Departamento de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Animal e Área Epidemiologia Experimental Aplicada às Zoonoses

Downloads

Publicado

2016-01-30

Como Citar

RAMIREZ STARIKOFF, K.; NISHIMOTO, Érika J.; FERREIRA, F.; CARVALHO BALIAN, S.; OLIVEIRA TELLES, E. INFLUÊNCIA DA GORDURA DO LEITE BOVINO E CAPRINO NA RESISTÊNCIA DO Mycobacterium fortuitum À PASTEURIZAÇÃO LENTA. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 17, n. 1, p. 70–78, 2016. DOI: 10.1590/cab.v17i1.19485. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/19485. Acesso em: 20 fev. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária