ANÁLISE ECONÔMICA, RENDIMENTOS DE CARCAÇA E DOS CORTES COMERCIAIS DE VACAS DE DESCARTE 5/8 HEREFORD 3/8 NELORE ABATIDAS EM DIFERENTES GRAUS DE ACABAMENTO

Autores

  • Fabiano Nunes Vaz Universidade Federal de Santa Maria
  • Ricardo Zambarda Vaz Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e Missões
  • Leonir Luiz Pascoal Universidade Federal de Santa Maria
  • Paulo Santana Pacheco Universidade Federal de Santa Maria
  • Fabricia R. Chaves Miotto UFT
  • Natália Pinheiro Teixeira Universidade Federal do Pampa

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v13i3.17572

Palavras-chave:

Produção de Bovinos

Resumo

O objetivo deste trabalho foi estudar o efeito do grau de acabamento sobre os rendimentos de carcaça e dos cortes comerciais de vacas de descarte 5/8 Hereford 3/8 Nelore, bem como realizar a análise econômica da comercialização desses cortes pela indústria frigorífica. Foram utilizadas 42 vacas adultas, todas com oito dentes ao abate, e peso corporal médio de 530 kg. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado. Após o abate, as carcaças foram classificadas em relação à gordura de cobertura, separadas em gordura 1 (ausente), gordura 2 (escassa), gordura 3 (mediana) e gordura 4 (uniforme), conforme o Sistema Nacional de Tipificação e Classificação de Carcaças Bovinas. Os pesos corporais na origem foram maiores para as vacas classe de gordura 4 em relação às classes 2 e 1, sendo de 571,9; 517,6; e 488,1 kg, respectivamente, não diferindo da classe de gordura 3 (536,6 kg). Os rendimentos de carcaça quente aumentaram em função da elevação do grau de acabamento de carcaça, com valores médios de 44,4; 46,1; 47,9 e 47,8%, para as classes de gorduras 1, 2, 3 e 4, respectivamente. A ponta-de-agulha é o corte com maior incremento de peso quando crescem as classes de gordura. Se fossem considerados os preços dos cortes comerciais nos mercados atacadistas de São Paulo e do Rio Grande do Sul, a indústria poderia remunerar melhor vacas com acabamento 2 em relação às demais. O ponto de equilíbrio da indústria frigorífica seria de R$ 6,21/kg de carcaça para vacas com gordura 2, contra R$ 6,02/kg, R$ 5,99/kg e R$ 5,98/kg, respectivamente, para vacas com gorduras 1, 3 e 4.

PALAVRAS-CHAVE: Braford; espessura de gordura; rendimento de ponta-de-agulha; rendimento de traseiro especial; vacas de corte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiano Nunes Vaz, Universidade Federal de Santa Maria

Departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural

Ricardo Zambarda Vaz, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e Missões

Campus Santiago

Leonir Luiz Pascoal, Universidade Federal de Santa Maria

Departamento de Zootecnia

Paulo Santana Pacheco, Universidade Federal de Santa Maria

Departamento de Zootecnia

Natália Pinheiro Teixeira, Universidade Federal do Pampa

Campus Dom Pedrito

Downloads

Publicado

2012-09-28

Como Citar

VAZ, F. N.; VAZ, R. Z.; PASCOAL, L. L.; PACHECO, P. S.; MIOTTO, F. R. C.; TEIXEIRA, N. P. ANÁLISE ECONÔMICA, RENDIMENTOS DE CARCAÇA E DOS CORTES COMERCIAIS DE VACAS DE DESCARTE 5/8 HEREFORD 3/8 NELORE ABATIDAS EM DIFERENTES GRAUS DE ACABAMENTO. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 13, n. 3, p. 338–345, 2012. DOI: 10.5216/cab.v13i3.17572. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/17572. Acesso em: 28 fev. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal