ANÁLISE HISTOMORFOLÓGICA E HISTOMORFOMÉTRICA DO TECIDO ÓSSEO MADURO DE Glossophaga soricina (PHYLLOSTOMIDAE:CHIROPTERA)

Autores

  • Cibele Leandro da Costa Universidade Federal de Pernambuco.
  • José Alex A. dos Santos Universidade Federal de Pernambuco.
  • Katharine Raquel P. dos Santos Universidade Federal de Pernambuco.
  • Francisco C. A. Aguiar Júnior Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v13i4.17518

Palavras-chave:

Glossophaga soricina, histomorfometria, osso

Resumo

O tecido ósseo apresenta diferentes modelos de vascularização, distribuição celular, mineralização e remodelação entre as espécies de mamíferos. A variedade de hábito alimentar associado ao modo de locomoção e ao habitat exigiu dos morcegos o estabelecimento de diferentes estilos de voo e algumas adaptações esqueléticas. Este trabalho objetivou analisar as características microscópicas do tecido ósseo maduro de Glossophaga soricina (Phyllostomidae: Chiroptera). Foram utilizados 12 animais entre machos e fêmeas, dos quais os úmeros direitos foram dissecados, pesados, descalcificados e submetidos ao processamento histológico de rotina. Cortes semi-seriados de 5 micrômetros de espessura foram corados pela técnica de hematoxilina e eosina (H.E.), picrosírius red e nitrato de prata a 50%. Os preparados histológicos foram submetidos à análise histológica e histomorfométrica. A média da densidade lacunar foi significantemente maior nas amostras de úmero de fêmeas quando comparada com a de machos (33,96 x 27,80, p=0,02). A análise microscópica indicou a presença de fibras colágenas distribuídas paralelamente na matriz óssea. As lacunas apresentavam formatos variados e canalículos bem distribuídos e individualizados. Poucos sistemas e canais de havers foram observados. O tecido ósseo maduro do úmero de Glossophaga soricina compartilha de características microscópicas com outros mamíferos, embora, diferenças na organização estrutural deste sejam peculiares à espécie.
PALAVRAS-CHAVE:Glossophaga soricina; histomorfometria; osso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cibele Leandro da Costa, Universidade Federal de Pernambuco.

Graduada em Ciências Biológicas.

José Alex A. dos Santos, Universidade Federal de Pernambuco.

Graduando em Enfermagem.

Katharine Raquel P. dos Santos, Universidade Federal de Pernambuco.

Professora Adjunta do Núcleo de Biologia do Centro Acadêmico de Vitória. Coordenadora da disciplina de Histologia e Embriologia Especial.

Francisco C. A. Aguiar Júnior, Universidade Federal de Pernambuco

Professor Adjunto do Núcleo de Biologia do Centro Acadêmico de Vitória. Coordenador da disciplina de Histologia Básica.

Downloads

Publicado

2012-12-14

Como Citar

DA COSTA, C. L.; DOS SANTOS, J. A. A.; DOS SANTOS, K. R. P.; AGUIAR JÚNIOR, F. C. A. ANÁLISE HISTOMORFOLÓGICA E HISTOMORFOMÉTRICA DO TECIDO ÓSSEO MADURO DE Glossophaga soricina (PHYLLOSTOMIDAE:CHIROPTERA). Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 13, n. 4, p. 534–543, 2012. DOI: 10.5216/cab.v13i4.17518. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/17518. Acesso em: 16 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária