CARACTERÍSTICAS FÍSICO-QUÍMICAS E CITOLÓGICAS DO LÍQUOR DE OVINOS SADIOS DA RAÇA SANTA INÊS

Autores

  • Jomel Francisco dos Santos Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE
  • Marcela F. Duarte Moraes UFRPE
  • Thiago Arcoverde Maciel UFRPE
  • Paulo José Duarte-Neto Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE
  • Carla Lopes Mendonça Clínica de Bovinos de Garanhuns, UFRPE
  • Daniela Oliveira Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v13i3.16386

Palavras-chave:

Sanidade de Ruminantes

Resumo

A ocorrência de doenças neurológicas é elevada na clínica médica dos animais, porém poucos estudos documentam a composição normal do líquor de ovinos, em especial o da raça Santa Inês. O objetivo deste estudo foi o de estabelecer parâmetros de normalidade para as características físico-químicas e citológicas do líquor de ovinos desta raça. Para isso, foram utilizados 40 ovinos, com idades entre seis a dezoito meses, para a realização da punção lombossacral de líquor. Foi observado um padrão límpido e incolor, e a média para densidade foi de 1,006 ± 0,0064, a concentração de proteínas foi de 25,27 ± 6,64 mg/dL e a de glicose de 46,89 ± 10,99 mg/dL. Quanto às atividades enzimáticas, foram observadas médias de 80,79 ± 116,72 U/L para creatina quinase (CK); 17,43 ± 11,91 U/L para lactato desidrogenase (LDH) e 17,08 ± 3,85 U/L para aspartato aminotransferase (AST). Os achados obtidos para contagem global de leucócitos foram de 4,61 ± 4,96 células/µL (0 a 15 linfócitos, 0 a 10 monócitos, 1 a 14 neutrófilos). Diante da carência de dados de referência para parâmetros do líquor de ovinos Santa Inês, sugere-se que os resultados obtidos nesta pesquisa sejam considerados valores normais na clínica de ovinos e, assim, contribuam no diagnóstico de doenças neurológicas nesta raça.

PALAVRAS-CHAVE: bioquímica; citologia; LCR; parâmetros fisiológicos; pequenos ruminantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jomel Francisco dos Santos, Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Sanidade e Reprodução de Ruminantes

Marcela F. Duarte Moraes, UFRPE

Médica Veterinária, Unidade Acadêmica de Garanhuns

Thiago Arcoverde Maciel, UFRPE

Residente, Clínica de Bovinos de Garanhuns, UFRPE

Paulo José Duarte-Neto, Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

Área de Bioestatística, Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

Carla Lopes Mendonça, Clínica de Bovinos de Garanhuns, UFRPE

Médica Veterinária, Clínica de Bovinos de Garanhuns, UFRPE

Daniela Oliveira, Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

Área de Anatomia Animal, Unidade Acadêmica de Garanhuns, UFRPE

Downloads

Publicado

2012-09-28

Como Citar

DOS SANTOS, J. F.; MORAES, M. F. D.; MACIEL, T. A.; DUARTE-NETO, P. J.; MENDONÇA, C. L.; OLIVEIRA, D. CARACTERÍSTICAS FÍSICO-QUÍMICAS E CITOLÓGICAS DO LÍQUOR DE OVINOS SADIOS DA RAÇA SANTA INÊS. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 13, n. 3, p. 382–387, 2012. DOI: 10.5216/cab.v13i3.16386. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/16386. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Medicina Veterinária