DOSES E FONTES DE NITROGÊNIO NA PRODUÇÃO E COMPOSIÇÃO BROMATOLÓGICA DO CAPIM-XARAÉS

Autores

  • Kátia Aparecida de Pinho Costa Fesurv - Universidade de Rio Verde
  • Eduardo da Costa Severiano Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde
  • Fabiano Guimarães Silva Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde
  • Elenildo Ferreira Borges Universidade de Rio Verde
  • Patrícia Soares Epifânio Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde
  • Kátia Cylene Guimarães Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

DOI:

https://doi.org/10.5216/cab.v14i3.15206

Palavras-chave:

PAstagens

Resumo

O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito de doses e fontes de nitrogênio na produção de massa seca e composição bromatológica do capim-xaraés em diferentes estações do ano. O experimento foi conduzido no Campus da Faculdade de Agronomia da Universidade de Rio Verde, no período de outubro de 2008 a janeiro de 2010. O delineamento experimental utilizado foi em blocos completos ao acaso, em esquema fatorial 2 x 4, com medidas repetidas no tempo, com quatro repetições. Foram testadas duas fontes de nitrogênio (sulfato de amônio e uréia) e quatro doses de nitrogênio (0, 200, 400 e 600 kg ha-1). As avaliações foram realizadas durante o ano, nas estações de outono, inverno, primavera e verão, nas mesmas parcelas. Os resultados demonstraram que a máxima produção de massa seca e teores de PB do capim-xaraés nas fontes de ureia e sulfato de amônio foram estimados nas doses de 500 e 472 kg ha-1 e de 407 e 396 kg ha-1 de N, respectivamente. E para os teores de NDT a dose máxima foi de 404,74 kg ha-1 de N, na fonte de sulfato de amônio. Esse resultado indica que independente da fonte nitrogenada, a aplicação de doses crescentes de até 400 kg ha-1 de nitrogênio no capim-xaraés é suficiente para manter uma alta produção de massa seca, associada ao valor nutritivo da forragem. A fonte de sulfato de amônio mostrou maior eficiência na produção de massa seca do capim-xaraés nas estações analisadas.

PALAVRAS-CHAVE: Brachiaria brizantha; estações do ano; sulfato de amônio; ureia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kátia Aparecida de Pinho Costa, Fesurv - Universidade de Rio Verde

Professora do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia e Ciências Agrárias do Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Eduardo da Costa Severiano, Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Professor do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia e Ciências Agrárias do Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Fabiano Guimarães Silva, Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias do Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Elenildo Ferreira Borges, Universidade de Rio Verde

Graduando em Agronomia da Universidade de Rio Verde

Patrícia Soares Epifânio, Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Mestranda em Ciências Agrárias do Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Kátia Cylene Guimarães, Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Professora do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia e Ciências Agrárias do Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde

Publicado

2013-09-28

Como Citar

DE PINHO COSTA, K. A.; SEVERIANO, E. da C.; SILVA, F. G.; BORGES, E. F.; EPIFÂNIO, P. S.; GUIMARÃES, K. C. DOSES E FONTES DE NITROGÊNIO NA PRODUÇÃO E COMPOSIÇÃO BROMATOLÓGICA DO CAPIM-XARAÉS. Ciência Animal Brasileira / Brazilian Animal Science, Goiânia, v. 14, n. 3, p. 288–298, 2013. DOI: 10.5216/cab.v14i3.15206. Disponível em: https://revistas.ufg.br/vet/article/view/15206. Acesso em: 5 mar. 2024.

Edição

Seção

Produção Animal