Poetas, Críticos e Loucos

Baudelaire e Benjamin

Autores

Resumo

Este ensaio pretende mostrar as aproximações entre Walter Benjamin e Charles Baudelaire a partir da leitura do tema das cidades. O espaço urbano inquietou aos dois e chegou a ser mesmo objeto de estudos e inspiração. Em Baudelaire, mesmo sem ser mencionada, a cidade de Paris se esparrama por muitas poesias de “As flores do mal”. Benjamin, o eterno errante, escreveu sobre sua cidade natal, Berlim, e sobre muitas outras por onde passou como visitante ou exilado. Nossa intenção não é fazer somente uma aproximação da biografia de ambos, mas pensar como o tema das cidades levou à paixão de Benjamin pela obra de Baudelaire e como, muitas vezes, na leitura do texto de um, encontramos o outro.

Biografia do Autor

Marcos Antonio de Menezes, Universidade Federal de Jataí, Jataí, Goiás, Brasil, pitymenezes.ufg@gmail.com

Currículo: http://lattes.cnpq.br/5906542748941462

Downloads

Publicado

2023-01-17

Como Citar

MENEZES, M. A. de. Poetas, Críticos e Loucos: Baudelaire e Benjamin. Revista de Teoria da História, Goiânia, v. 25, n. 2, p. 303–320, 2023. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teoria/article/view/71175. Acesso em: 23 maio. 2024.