Sextou! Cinquentou! Uma análise da formação e uso de verbos denominais no Português brasileiro contemporâneo

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/sig.v34.68979

Palavras-chave:

Morfologia, Verbos denominais, Português brasileiro contemporâneo

Resumo

Considerando que a língua está à disposição das necessidades comunicativas do falante, tratamos, neste artigo, dos processos de formação de novos verbos no português brasileiro contemporâneo, como sextou, sabadou e cinquentou. O nosso objetivo geral é propor uma análise da formação e uso desses neologismos, tendo em vista os padrões morfológicos por meio dos quais esses verbos têm se manifestado e de que modo eles podem atuar num viés linguístico-pragmático (ILARI; BASSO, 2014). Concluímos que esses verbos, por meio da sua estrutura, têm representado o dinamismo da língua em face à vida cotidiana, o que revela o seu caráter morfopragmático.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BAGNO, M. Não é errado falar assim! Em defesa do Português Brasileiro. São Paulo: Parábola Editorial: 2009.

BASSANI, I. S. Formação e interpretação dos verbos denominais no português do Brasil. Dissertação de Mestrado. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas – USP. São Paulo, 2009. Disponível em: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8139/tde-23112009-144713/pt- -br.php. Acesso em 24 de ago. 2020.

BECHARA, E. Moderna gramática portuguesa. 37. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009.

CAMARA, JR., J. M. Dicionário de linguística e gramática: referente à língua portuguesa. 13 ed. Petrópolis, Vozes,1986.

CEGALLA, D. P. Novíssima gramática da língua portuguesa. 48. Ed. São Paulo: IBEP, 2008.

CUNHA, C. F. da; CINTRA, L. Nova gramática do português contemporâneo. 3. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2001. FARACO, C. A. História do português. São Paulo: Parábola, 2019.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Novo dicionário da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2004.

FREITAS, Marcela Martins de. Tempo gramatical e aspecto: descrição e ensino. 2019. 157f. Dissertação (Mestrado em Letras) – Faculdade de filosofia Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, 2019.

ILARI, R.; BASSO, R. M. O verbo. In. ILARI, Rodolfo (org.). Gramática do português culto falado no Brasil: volume III: palavras de classe aberta. São Paulo: Contexto, 2014.

Downloads

Publicado

2022-03-29

Como Citar

OLIVEIRA, K. M. .; MOTA, M. A.; SANTOS, W. N. dos . Sextou! Cinquentou! Uma análise da formação e uso de verbos denominais no Português brasileiro contemporâneo. Signótica, Goiânia, v. 34, 2022. DOI: 10.5216/sig.v34.68979. Disponível em: https://revistas.ufg.br/sig/article/view/68979. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Estudos Linguísticos