Projeto nova vida: a atuação interdisciplinar em uma comunidade terapêutica

Autores

  • Roberto Epifanio Tomaz
  • Karina Elisa Machado
  • Josiane Aparecida Ferrari de Almeida Prado

DOI:

https://doi.org/10.5216/revufg.v19.60595

Resumo

O presente artigo apresenta um breve relato dos resultados dos trabalhos do Projeto de Extensão Nova Vida no Ano de 2018. O objetivo proposto é de colaborar com o aumento do índice de recuperação e reinserção dos dependentes químicos em tratamento nos ambientes sociais familiares e profissionais. Para tanto, o relato foi formado nas três áreas de atuação do projeto: jurídica, farmacêutica e psicológica. Quanto à Metodologia, foi utilizada a base lógica Indutiva, além das Técnicas do Referente, da Categoria, do Conceito Operacional e da Pesquisa Bibliográfica e Documental. Os resultados apontam uma efetiva contribuição na reinserção social, familiar e laboral dos dependentes químicos acolhidos na Comunidade Terapêutica Nova Vida, indicando a necessidade da ampliação ao atendimento às famílias e aos familiares dos acolhidos, bem como do acompanhamento terapêutico daqueles que finalizam o período de tratamento.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-10-09

Como Citar

TOMAZ, R. E.; MACHADO, K. E.; PRADO, J. A. F. de A. Projeto nova vida: a atuação interdisciplinar em uma comunidade terapêutica. Revista UFG, Goiânia, v. 19, 2019. DOI: 10.5216/revufg.v19.60595. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/60595. Acesso em: 14 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Direitos Humanos, Sustentabilidade e Transformação Social