PRESERVAÇÃO DO ACERVO BIBLIOGRÁFICO DO ESPAÇO MEMORIAL CARLOS CHAGAS FILHO – PRIMEIRA ETAPA

Autores

  • Gabriela Lúcio de Sousa
  • Ana Paula Correa de Carvalho
  • Thais de Almeida Lamas
  • Daniele Botaro

Resumo

Resumo: Este artigo presenta considerações sobre a primeira etapa do Projeto de Preservação do Acervo Bibliográfico do Espaço Memorial Carlos Chagas Filho (EMCCF), museu de história da ciência localizado dentro do Instituto de Biofísica Calos Chagas Filho (IBCCF), na Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Aborda ainda, a importância de elaborar propostas de preservação para acervo bibliográfico em consonância com o código de ética do Conselho Internacional de Museus – ICOM, além das diretrizes recomendadas pelo Instituto Brasileiros de Museus – IBRAM, através do Plano Museológico e o Inventário Nacional dos Bens Culturais Musealizados. Dentre os 1406 livros que compõem o acervo bibliográfico, 32 deles passaram por situação de sinistro: uma inundação ocasionada pela ruptura de uma tubulação no andar superior durante a construção de um laboratório. Em 2013 iniciou-se um projeto de conservação desses livros com objetivo de normatizar os procedimentos de preservação, conservação, restauração e diagnóstico de acervo bibliográfico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-08-03

Como Citar

LÚCIO DE SOUSA, G.; CORREA DE CARVALHO, A. P.; DE ALMEIDA LAMAS, T.; BOTARO, D. PRESERVAÇÃO DO ACERVO BIBLIOGRÁFICO DO ESPAÇO MEMORIAL CARLOS CHAGAS FILHO – PRIMEIRA ETAPA. Revista UFG, Goiânia, v. 15, n. 15, 2017. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/48525. Acesso em: 3 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos