A introdução da imprensa, atragédia romântica no Brasil e suas conexões com Antônio José da Silva, O Judeu

Autores

  • Lúcia Helena Costigan

Resumo

Quando comparada às demais ex-colônias e atuais países americanos, a implantação da tipografia no Brasil encontrou muitos entraves, ocorrendo hipertardiamente. Em decorrência dos obstáculos impostos pela Coroa portuguesa, a criação da imprensa régia no Rio de Janeiro somente ocorreu em 1808, com a transferência da Corte para as Américas, após o bloqueio continental e a ameaça de invasão a Portugal decretados por Napoleão Bonaparte, em 1807. Apesar de a inauguração da imprensa oficial na América portuguesa datar de 13 de maio de 1808, dia do aniversário do príncipe regente, dom João VI, há indícios claros de que houve várias tentativas de implantação de tipografias no solo brasileiro durante o período colonial. (Continua...)

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-07-31

Como Citar

COSTIGAN, L. H. A introdução da imprensa, atragédia romântica no Brasil e suas conexões com Antônio José da Silva, O Judeu. Revista UFG, Goiânia, v. 10, n. 5, 2017. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/48209. Acesso em: 8 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Mundo Digital e a Universidade