A Universidade e o Cinema

Autores

  • Lisandro Nogueira

Resumo

A relação da Universidade Federal de Goiás (UFG) com o FICA é emblemática: expõe novamente a situação do intelectual em Goiás quanto a sua capacidade de intervenção no movimento cultural e ambigüidade do vínculo com uma instituição de ensino. Servidores da UFG – professores e técnicos – participam ativamente do FICA. Contribuem decisivamente para a construção do conceito de “festival de cinema ambiental”, inédito no mundo inteiro; auxiliam na confecção da programação cinematográfica; participam ativamente dos júris de pré-seleção e do júri principal (mostra competitiva); ajudam a coordenar o complexo processo operacional. Até mesmo nos quadros executivos da Agência Cultural (Agepel), responsável pela organização do FICA, encontram-se diversos professores da UFG. Não é pouco. É uma intervenção vigorosa que, de forma paradoxal, não conseguiu até agora estimular a “Instituição UFG” a assumir uma participação no Festival. É como se a instituição preferisse manter-se alheia ao mais importante festival de cinema de Goiás. Intelectuais da Universidade contribuem direta e decisivamente, porém a UFG parece distante do processo cultural efervescente do FICA. Se professores e funcionários envolvem-se ativamente no festival, por que a UFG mantém-se ausente? Há muito tempo se reclama da ausência dos intelectuais universitários na vida das cidades. Sobre a magnitude dessa ausência sobejam controvérsias, mas há um senso comum de que os intelectuais se refugiaram nos campi, desobrigando-se da participação na vida cultural, da vivência de seus intensos e instáveis processos. As conformações do mundo moderno puseram em crise o papel do intelectual com o estabelecimento de um local reservado, razoavelmente confortável e devidamente subsidiado, no qual se pode produzir ciência sem as afetações do burburinho vivaz dos centros das cidades. (Continua...)

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

28-07-2017

Como Citar

NOGUEIRA, L. A Universidade e o Cinema. Revista UFG, Goiânia, v. 8, n. 1, 2017. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/48060. Acesso em: 2 mar. 2024.

Edição

Seção

Dossiê FICA