Relato de experiências com o Projeto Palavra pulsante: tecendo aprendizagens por meio da Literatura Indígena

Autores

  • Marcilea de Freitas Instituto Federal do Amazonas (IFAM), Manaus, Amazonas, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.5216/racs.v5.66342

Palavras-chave:

Literatura indígena. Língua e literatura. Escola.

Resumo

A manutenção do estigma de que as culturas indígenas são ágrafas e a reprodução de estereótipos têm representado obstáculos ao reconhecimento de seus saberes e da diversidade cultural brasileira. A partir dessa percepção e tendo em vista a necessidade de intervenções quanto ao currículo da Educação Básica de forma a contribuir para a abertura real do debate sobre a temática étnica na escola e a partir dela é que foi proposto o projeto “Palavra Pulsante”, que busca trazer os textos literários de autoria indígena para as aulas de Língua e Literatura, a fim de que se possa de fato trabalhar com história e cultura indígena resgatando suas contribuições nas áreas social, econômica e política pertinentes à história e formação do povo brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-11

Como Citar

FREITAS, M. de . Relato de experiências com o Projeto Palavra pulsante: tecendo aprendizagens por meio da Literatura Indígena. Articulando e Construindo Saberes, Goiânia, v. 5, 2020. DOI: 10.5216/racs.v5.66342. Disponível em: https://revistas.ufg.br/racs/article/view/66342. Acesso em: 25 jul. 2024.