O ADOLESCENTE E A CULTURA DO CORPO NA CONTEMPORANEIDADE

Autores

  • Eliana Julia Garritano
  • Glória Sadala

DOI:

https://doi.org/10.5216/ia.v34i2.8506

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar uma análise do sujeito adolescente e do culto promovido ao corpo na contemporaneidade. A partir da relevância que o corpo do jovem assume como ideal na cultura contemporânea, buscamos correlacionar, à luz da psicanálise, as interferências do consumo excessivo e da saturação do mundo de imagens direcionados ao corpo como geradoras de uma possível inflação narcísica do sujeito adolescente. O apelo fortemente idealizado à imagem do corpo parece estar regulando as relações entre os jovens, de forma a qualificar, ordenar e excluir aqueles que não seguem o padrão vigente de perfeição e beleza. Assim, acreditamos que o adolescente aprisionado à teia narcísica gerada pela cultura do corpo tem sua construção subjetiva severamente prejudicada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-12-21

Como Citar

GARRITANO, E. J.; SADALA, G. O ADOLESCENTE E A CULTURA DO CORPO NA CONTEMPORANEIDADE. Revista Inter-Ação, Goiânia, v. 34, n. 2, p. 485–512, 2009. DOI: 10.5216/ia.v34i2.8506. Disponível em: https://revistas.ufg.br/interacao/article/view/8506. Acesso em: 15 abr. 2024.